Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Andy Murray avança e Tomas Berdych é eliminado em Cincinnati

Enquanto inglês derrotou o português João Sousa por 2 sets a 0, tenista checo perdeu para o búlgaro Grigor Dimitrov por 2 sets a 1

Estadão Conteúdo

13 de agosto de 2014 | 14h32

O britânico Andy Murray e o checo Tomas Berdych tiveram destinos diferentes nas respectivas estreias no Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos. Nesta quarta-feira, Murray avançou para as oitavas de final, enquanto Berdych foi eliminado, assim com o búlgaro Grigor Dimitrov.

Número 9 do mundo, Murray venceu o português João Sousa, 37º colocado no ranking da ATP, por 2 sets a 0, com um duplo 6/3, em 1 horas e 12 minutos. A vitória foi a terceira do britânico em três duelos com o português. Agora, nas oitavas de final, ele terá pela frente o vencedor do duelo entre o norte-americano John Isner e o australiano Marinko Matosevic.

Já Berdych não teve a mesma sorte. De virada, o número 5 do mundo perdeu para o taiwanês Yen-Hsun Lu, 43º colocado no ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/3 e 6/4, em 1 horas e 44 minutos. Esta foi a primeira derrota de Berdych em quatro duelos com o taiwanês - na semana passada, o checo havia superado o asiático no Masters 1000 de Toronto. 

Número 8 do mundo, Dimitrov teve a sua boa fase barrada após avançar às semifinais no Canadá na semana passada. Nesta quarta-feira, porém, ele perdeu para o polonês Jerzy Janowicz, 65º colocado no ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 3/6 e 6/3, em 1 hora e 48minutos.

Já o russo Mikhail Youzhny, número 25 do mundo, se garantiu nas oitavas de final em Cincinnati ao vencer o italiano Andreas Seppi, 52º colocado no ranking, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.