Darron Cummings/AP
Darron Cummings/AP

Andy Roddick e Juan Carlos Ferrero Ferrero desistem de Roland Garros

Ex-líderes do ranking da ATP ainda se recuperam de lesões no ombro direito

AE, Agência Estado

19 de maio de 2011 | 17h50

PARIS - O espanhol Juan Carlos Ferrero e o americano Andy Roddick anunciaram nesta quinta-feira que não competirão em Roland Garros neste ano. Os dois ex-líderes do ranking ainda se recuperam de lesões no ombro direito.

Em baixa na temporada, Roddick já havia desistido de disputar a final de duplas do Masters 1000 de Roma no domingo. Nesta semana, ele abandonou de última hora a chave do Torneio de Nice, que seria seu último teste antes de Roland Garros. Como voltou a sentir dores, desistiu de jogar no saibro francês.

Ferrero, campeão em 2003, também está com problemas no ombro direito e não tem previsão de retorno ao circuito. Neste ano, o atual número 72 do mundo disputou apenas duas competições.

A organização do Grand Slam anunciou ainda a desistência do lituano Richard Berankis, outro que entraria direto na chave principal. Os três tenistas serão substituídos por "lucky losers", perdedores na última rodada do qualifying.

Estas desistências, às vésperas do início da competição, frustraram o brasileiro Marcos Daniel, que esperava apenas mais um abandono para entrar direto na chave principal. Como o qualifying já começou, as novas vagas serão preenchidas pelos participantes da fase preliminar, sem seguir a ordem do ranking.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisRoland GarrosRoddickFerrero

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.