Após susto, Federer 'atropela' belga na Austrália

Roger Federer venceu na sexta-feira o belga Xavier Malisse (6-3, 6-3 e 6-1) e passou à quarta rodada do Aberto da Austrália, depois do susto que sofreu na rodada anterior contra o francês Gilles Simon.

ALASTAIR HIMMER, REUTERS

21 de janeiro de 2011 | 10h17

Sob sol forte, Federer precisou de uma hora e 45 minutos para mostrar todas as suas armas contra Malisse. "Claro que não é a coisa mais fácil se recuperar de um jogo de cinco sets (contra Simon), mas consegui", disse Federer a jornalistas. "Hoje foi intenso também. Os primeiros dois sets quase não refletiram como foram difíceis. Acho que talvez isso tenha quebrado um pouco a disposição dele."

O suíço, que na quarta rodada pegará o espanhol Tommy Robredo, lembrou que Malisse chegou a abrir 3-1 no segundo set. "Aí consegui reagir e ganhar 11 games seguidos, o que foi obviamente uma grande sequência para mim."

"Não se pode ganhar um Grand Slam na primeira semana, mas se pode perdê-lo" f,ilosofou Federer, que usou um novo tênis, com quatro bandeirinhas suíças, simbolizando o número de Abertos na Austrália em seu currículo. "Estou feliz pela forma como sinto meu corpo, e estou me movimentando bem."

Apesar de ter feito Malisse correr por toda a quadra da Rod Laver Arena, com inteligentes "drop shots" e violentos forehands. Federer ainda deixou antever algumas fragilidades que ficaram claras no ano passado, e cometeu 36 erros não-forçados.

Tudo o que sabemos sobre:
TENISAUSTRALIAMASCULINO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.