REUTERS/Asanka Brendon Ratnayake
REUTERS/Asanka Brendon Ratnayake

Ashleigh Barty derruba sensação Anisimova e se garante nas quartas na Austrália

Número 1 do mundo, a tenista precisou de apenas 74 minutos para derrubar a algoz de Naomi Osaka

Redação, O Estado de S.Paulo

23 de janeiro de 2022 | 10h33

De maneira arrasadora, Ashleigh Barty acabou com os dias de sonhos da jovem sensação americana Amanda Anisimova no Aberto da Austrália. Número 1 do mundo, a tenista local precisou de apenas 74 minutos para derrubar a algoz da bicampeã e atual detentora do título, Naomi Osaka, com tranquilos 6/4 e 6/3.

Além de ter superado a favorita Osaka, o americana de 20 anos já havia passado por outra cabeça de chave em Melbourne, Belinda Bencic. Mas, desta vez, não foi páreo diante de uma agressiva e soberana Barty.

Ao menos Anisimova pode se gabar de ter acabado com a série de serviços sem quebra de Barty. A australiana chegou ao duelo das oitavas com 58 confirmações seguidas e ganhou as cinco vezes em que sacou no primeiro set. Mas viu a rival findar a expressiva marca no começo do segundo set, quando abriu 2 a 0.

Foi o único momento de comemoração de Anisimova na partida. No primeiro set ela conseguiu igualar o jogo até 3 a 3, quando foi quebrada e depois trocaram pontos até o 6/4 de Barty. Já no segundo set, após abrir 2 a 0, a americana recebeu o troco da quebra logo a seguir. Ainda perderia o serviço outras duas vezes, caindo por 6/3 para a favorita.

No caminho de Barty em sua busca pelo segundo Grand Slam da carreira, estará outra americana. Jessica Pegula, cabeça 21, passou pela grega Maria Sakkari, a oitava, com triunfo por 7/6 (7 a 0) e 6/3. O encontro traz boas recordações à australiana. Ela ganhou da rival em Roland Garros, em 2019, por duplo 6/3, partindo para a conquista daquele título.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.