Australianos temem jogar na Argentina

A equipe australiana de tênis está temerosa em enfrentar a Argentina em Buenos Aires, pela Copa Davis, no próximo mês, por causa dos distúrbios e saques que vêm ocorrendo na capital argentina. Segundo o treinador da Austrália, Wally Masur, será preciso uma garantia de segurança por parte da Federação Internacional de Tênis. ?Nunca colocaremos em perigo a segurança de nossos jogadores?, disse Masur. O torneio será realizado entre os dias 8 e 10 de fevereiro.Dessa forma, a FIT deve enviar uma delegação à Argentina, para investigar medidas de segurança. A entidade chegou a discutir a possibilidade de realizar os jogos em uma campo neutro. A equipe australiana deve ser encabeçada pelo número 1 do mundo, Lleyton Hewitt.

Agencia Estado,

07 de janeiro de 2002 | 09h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.