Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Cristiano Andujar/CBT
Cristiano Andujar/CBT

Bellucci abre duelo pela repescagem da Davis contra 'franco-atirador'

Número 1 do Brasil encara Mate Delic, 499º colocado no ranking

FÁBIO BISPO, O Estado de S. Paulo

17 de setembro de 2015 | 13h28

A equipe brasileira terá seu melhor jogador no ranking da ATP, Thomaz Bellucci, na abertura do duelo com a Croácia pela repescagem do Grupo Mundial da Copa Davis, nesta sexta-feira, às 10 horas, contra a Croácia. Belluci é o favorito na disputa contra o pouco conhecido Mate Delic, apenas o 499º colocado no ranking. "Ele vai entrar como franco-atirador", disse Bellucci. O duelo na quadra de saibro do Costão do Santinho, em Florianópolis, vale uma vaga na elite do torneio em 2016.

O sorteio na manhã desta quinta reservou uma partida menos complicada para o Brasil na abertura da série. Delic é o substituto de Marin Cilic, número 15 do mundo (campeão do US Open 2014 e semifinalista do Gram Slam na última semana nos Estados Unidos), que lesionou o tornozelo e não vem ao Brasil.

Com 22 anos, Mate Delic não apresenta resultados expressivos na temporada. "Mas, o Delic é um jogador perigoso e agressivo, pode complicar as coisas", disse o capitão do Brasil, João Zwetsch, que esperava Ivan Dodig contra o brasileiro.

Havia a expectativa de que a Croácia optasse pela escalação de Ivan Dodig, número 106 do mundo, para o primeiro dia dos jogos de simples, mas o capitão Zeljko Krajan escolheu mesmo Delic. A decisão foi tomada para que Dodig entre em quadra mais descansado na partida de duplas, no próximo sábado.

"Ivan e o Franko têm de estar bem preparados para o duelo de duplas no sábado", disse. Este será o primeiro confronto entre Belluci e Delic. "Muitas vezes o ranking pode não dizer muito. Nunca vi ele jogar, mas tenho certeza que vai entrar como um franco atirador", afirmou Bellucci.

Número 30 do mundo, Bellucci vive um bom momento na carreira e conta com um retrospecto positivo na Davis, com 17 vitórias e 12 derrotas, sendo que no saibro são 14 triunfos em 18 partidas. Além disso, na repescagem do Grupo Mundial no ano passado, o brasileiro foi decisivo para o triunfo sobrea a Espanha ao ganhar os seus dois jogos de simples.

João Souza, o Feijão, que está em 104º lugar no ranking, terá uma partida difícil no segundo jogo da sexta-feira contra a revelação croata Borna Coric. Aos 18 anos, Coric ocupa a 33ª posição na lista e com a baixa de Cilic se apresenta como a principal aposta dos croatas.

No sábado, Marcelo Melo e Bruno Soares enfrentarão Ivan Dodig e Franko Sugar nas duplas. Será a primeira vez que Melo enfrentará seu parceiro Dodig. Neste ano, a dupla se sagrou campeã em Roland Garros. O confronto encerra no domingo com Thomaz Bellucci x Borna Coric, as 10 horas, e em seguida com João Souza x Mate Delic. Os jogadores, porém, podem ser substituídos pelos capitães das equipes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.