Bellucci acredita que pode vencer Djokovic

Depois de superar o norte-americano John Isner por 2 sets a 0 (7/6 e 7/5), Thomaz Bellucci terá pela frente na quinta-feira o vice-líder do ranking Novak Djokovic, pelas oitavas de final do Masters 1.000 de Roma. Adversário, aliás, que não intimida o tenista brasileiro.

AE, Agência Estado

28 de abril de 2010 | 16h43

Confiante, Bellucci disse que tem condições de superar o sérvio se fizer uma boa partida. "Tenho jogado em um nível muito bom. Se souber aproveitar as chances durante a partida, acho que tenho condições de vencê-lo", avaliou o 28.º do ranking, que jamais enfrentou Djokovic anteriormente.

Sobre a vitória sobre Isner, considerado um dos melhores sacadores do circuito, Bellucci contou que foi importante ter paciência e força mental. "Essa vitória foi muito importante, principalmente pela questão mental. O Isner saca muito forte, o tempo inteiro, e te dá poucas chances. Você tem que ter muita força mental para ficar focado, concentrado e aproveitar essas poucas chances. Consegui fazer isso muito bem", observou.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisMasters de RomaThomaz Bellucci

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.