Bellucci mantém parceria com técnico João Zwetsch e define calendário

O tenista Thomaz Bellucci confirmou nesta terça-feira que vai manter a parceria com o técnico João Zwetsch até Roland Garros, que será disputado entre o fim de maio e o início de junho. Eles voltaram a trabalhar juntos em janeiro deste ano, com o objetivo de retomar a parceria somente até o Masters 1000 de Miami, do qual Bellucci foi eliminado na segunda-feira.

Estadão Conteúdo

31 Março 2015 | 15h01

Nem o jogador e nem o treinador se manifestaram sobre o prolongamento da parceria. Neste retorno do trabalho da dupla os resultados ficaram aquém daqueles obtidos entre 2008 e 2010, período em que Bellucci foi treinador por Zwetsch pela primeira vez. Na época, o tenista conquistou seus dois primeiros títulos de nível ATP e chegou a 21ª posição do ranking, sua melhor colocação até hoje.

Desta vez, Bellucci tem exibido grande irregularidade. Foram oito derrotas consecutivas no circuito entre fevereiro e março. A série foi encerrada com as duas vitórias seguidas obtidas em Miami. Os resultados deram novo fôlego ao brasileiro para a sequência da temporada.

Após garantir a extensão do acerto com Zwetsch, Bellucci definiu seu calendário até Roland Garros. "Nós optamos por começar a gira europeia em Barcelona, tirar essas quase duas semanas para uma preparação mais firme de novo, para poder seguir direto de Barcelona até Roland Garros, que serão mais seis semanas, pelo menos, direto na Europa", afirmou o treinador.

Zwetsch explicou que o intervalo de duas semanas entre Miami e o primeiro torneio no saibro servirá para recuperar o preparo físico do tenista. "O Thomaz já está há seis semanas jogando direto e precisa de duas semanas para dar uma recuperada, trabalhar um pouco mais a parte física para chegar firme e aguentar mais seis semanas de novo".

Depois de disputar o qualifying do ATP 500 de Barcelona, a partir do dia 18 de abril, Bellucci terá pela frente o ATP 250 de Istambul (27 de abril), os Masters 1000 de Madri (3 de maio) e Roma (10 de maio), o ATP 250 de Genebra (17 de maio) e Roland Garros (24 de maio).

Mais conteúdo sobre:
tênis Thomaz Bellucci

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.