Divulgação
Divulgação

Bellucci mostra motivação e confiança para Copa Davis

Tenista estreia na sexta-feira na competição diante de Florian Mayer

AE, Agência Estado

12 de setembro de 2013 | 18h53

NEU-ULM - Thomaz Bellucci vem fazendo uma temporada para ser esquecida. Ele já soma sete derrotas seguidas e não vence um jogo desde o começo de julho. Diante disso, despencou no ranking mundial do tênis, caindo para o 116º lugar. Mesmo assim, mostra confiança para defender o Brasil no confronto com a Alemanha na Copa Davis, que começa nesta sexta-feira, na cidade alemã de Neu-Ulm.

Antes de encarar o confronto, no qual estreia nesta sexta-feira diante do alemão Florian Mayer, Bellucci explicou que o clima especial da Copa Davis lhe dá a motivação necessária para sair da má fase. Além disso, lembrou da boa performance que teve na disputa anterior do torneio, em fevereiro, quando o Brasil esteve perto de derrotar os Estados Unidos na Flórida.

"Apesar de eu não ter jogado o meu melhor tênis nesta temporada, obviamente há uma motivação extra para jogar a Copa Davis. Contra os Estados Unidos, eu joguei minha melhor partida este ano (contra o norte-americano John Isner) e espero jogar meu melhor tênis aqui novamente", disse Bellucci. "Essa semana de treinos pode significar uma alavanca para toda a temporada. Estou treinando bem e vamos ver o que acontece em quadra", completou o tenista brasileiro.

Além de Bellucci, o Brasil conta com Rogério Dutra Silva, que faz o outro jogo desta sexta-feira, diante do alemão Philipp Kohlschreiber. E ainda terá Bruno Soares e Marcelo Melo na disputa das duplas, marcada para acontecer no sábado.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisCopa DavisBellucci

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.