Berdych bate Mónaco no Aberto da Austrália de tênis

Tenista tcheco previsa de 2 horas e 36 minutos para bater argentino por 3 sets a 1

Efe

19 de janeiro de 2008 | 11h50

O tenista tcheco Tomas Berdych derrotou neste sábado o argentino Juan Mónaco por 3 sets a 1, parciais de 3/6, 6/3, 7/6 e 6/2 pela terceira rodada do Aberto da Austrália e agora enfrenta o suíço Roger Federer, número 1 do mundo, nas oitavas-de-final do torneio.   O argentino, que precisou de 2 horas e 36 minutos para bater seu adversário, venceu com tranqüilidade o primeiro set da partida. Mas, a partir do segundo, o tcheco melhorou seu saque ostensivamente, até conseguir 15 aces.   O jogo foi disputado na Vodafone Arena, com teto fechado, devido à chuva, o que foi um fator determinante para aumentar a potência e a velocidade do saque de Berdych, que, além disso, esteve excelente no ataque pelas laterais.   Agora, Berdych enfrentará o suíço Roger Federer, a quem derrotou nos Jogos Olímpicos de Atenas de 2004, mas que, desde então, perdeu as cinco partidas que disputou contra o número 1 do mundo.

Tudo o que sabemos sobre:
TênisAberto da Austrália

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.