Berdych cai na estreia e Raonic vence no Torneio de St. Petersburg

Os dois principais favoritos ao título do Torneio de St. Petersburg tiveram destinos opostos nesta quinta-feira. O checo Tomas Berdych, cabeça de chave número 1, decepcionou ao cair na estreia, enquanto o canadense Milos Raonic fez valer a condição de segundo pré-classificado em seu primeiro jogo na quadra dura da competição russa, que está voltando ao calendário da ATP nesta temporada - distribui 250 pontos ao campeão e tem premiação de US$ 1.030.000,00.

Estadão Conteúdo

24 de setembro de 2015 | 15h21

Berdych, atual número cinco do mundo, foi surpreendido pelo italiano Simone Bolelli por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/5) e 6/4. Irregular no saque, o checo sofreu duas quebras de serviço ao longo da partida e não conseguiu segurar a pressão do rival, principalmente no segundo set. Foi eliminado após 1h38min de confronto.

Já Raonic não hesitou contra o local Evgeny Donskoy, um dos convidados da organização. O número 9 do mundo mostrou por que é tido como um dos melhores sacadores da atualidade ao cravar 13 aces. Neste ritmo, só teve um break point contra, devidamente salvo. Fechou a partida com facilidade por duplo 6/4, após 1h13min.

Nas quartas de final, Raonic terá pela frente o experiente espanhol Tommy Robredo, que avançou ao superar o cipriota Marcos Baghdatis por 7/6 (7/5) e 6/1. Bolelli, algoz de Berdych vai cruzar com o vencedor do duelo entre o português João Sousa e o espanhol Marcel Granollers.

Pela mesma rodada, o espanhol Roberto Bautista, quarta cabeça de chave, salvou três match points consecutivos para superar o local Teymuraz Gabashvili por 6/3, 5/7 e 7/5. Vai duelar nas quartas de final com o francês Lucas Pouille, que derrotou o polonês Jerzy Janowicz por 7/6 (9/8) e 7/6 (7/1). Já o usbeque Denis Istomin bateu o alemão Benjamin Becker por 2/6, 7/6 (7/5) e 6/4. Ele enfrentará na sequência o austríaco Dominic Thiem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.