Erik S. Lesser/EFE
Erik S. Lesser/EFE

Berdych elimina Dolgopolov e vai à semifinal em Miami

Resultado garante o checo na 5.ª posição no ranking da próxima semana

Agência Estado

27 de março de 2014 | 19h17

MIAMI - O checo Tomas Berdych também garantiu seu lugar nas semifinais do Masters 1.000 de Miami. Nesta quinta-feira, ele derrotou o ucraniano Alexandr Dolgopolov, por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6 (7/3), e se candidatou para um provável confronto com o número 1 Rafael Nadal. O espanhol encara o canadense Milos Raonic nesta noite.

Ao faturar sua 450.ª vitória na carreira, Berdych também assegurou uma subida no ranking da ATP. Na próxima lista, a ser atualizada na segunda-feira, o checo vai aparecer no quinto lugar, igualando sua melhor posição, obtida em agosto do ano passado.

Ainda sem perder sets em Miami, Berdych fez um duelo de saques com Dolgopolov. E levou a melhor, com seus 11 aces, contra 9 do ucraniano. Também teve melhor aproveitamento com o primeiro serviço. Mesmo assim, acabou sofrendo duas quebras de serviço durante o jogo.

Uma das quebras quase ameaçou sua vitória. No segundo set, Dolgopolov teve boa reação, liderou o placar e chegou a sacar para fechar o set e empatar o duelo. No entanto, Berdych reagiu prontamente e levou a parcial para o tie-break, quando foi soberano. A partida foi marcada ainda por uma paralisação de cerca de meia hora no primeiro set, em razão da chuva.

A outra semifinal de Miami foi definida na noite de quarta-feira. O japonês Kei Nishikori, algoz de Roger Federer, será o adversário do sérvio Novak Djokovic, que avançou ao eliminar o rival e amigo Andy Murray.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.