Erik S. Lesser/EFE
Erik S. Lesser/EFE

Berdych também desiste, e Nadal encara Djokovic na final em Miami

Checo alegou uma gastroenterite para deixar a competição, o que facilitou a vida do espanhol

AE, Agência Estado

28 de março de 2014 | 19h41

MIAMI - Rafael Nadal também não precisou entrar em quadra nesta sexta-feira para garantir seu lugar na final do Masters 1000 de Miami. Assim como Novak Djokovic, ele contou com a desistência do rival para avançar na chave sem fazer esforço. Líder e vice-líder do ranking vão decidir o título no domingo.

O espanhol se classificou por causa do abandono do checo Tomas Berdych, que alegou uma gastroenterite para deixar a competição. Mais cedo, o japonês Kei Nishikori anunciou sua desistência por causa de dores na virilha esquerda, dois dias após eliminar o suíço Roger Federer.

Com estas baixas, o Masters de Miami ficou sem jogos nas semifinais masculinas, algo raro no circuito profissional. Os torcedores que compraram ingressos para estas partidas serão recompensadas com entrada gratuita nas semis do ano que vem, informou a organização do torneio.

As desistências confirmaram o confronto entre o número 1 e o número 2 do mundo na decisão. No domingo, Nadal e Djokovic farão o 40.º confronto entre os dois tenistas, ampliando uma das maiores rivalidades da história do tênis. O espanhol tem vantagem de cinco vitórias - 22 contra 17. As últimas duas partidas, contudo, foram vencidas pelo sérvio, no fim de 2013. Neste ano, eles ainda não se enfrentaram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.