Kim-Hee Chul/EFE
Kim-Hee Chul/EFE

Bia Haddad derrota holandesa em Seul e vai à primeira final no circuito da WTA

Brasileira passa por Richel Hogenkamp e terá pela frente a letã Jelena Ostapenko, atual campeã de Roland Garros

Estadão Conteúdo

23 de setembro de 2017 | 08h55

A brasileira Bia Haddad Maia conquistou pela primeira vez uma vaga na decisão de uma competição do circuito da WTA. Neste sábado, ela se garantiu na final do Torneio de Seul, na Coreia do Sul, ao derrotar a holandesa Richel Hogenkamp por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 7/6 (9/7).

A tenista de 21 anos mostrou frieza neste sábado para eliminar a adversária em 1h44min e alcançar uma marca considerável na carreira. Apesar de já ter conquistado dois torneios de nível ITF nesta temporada, esta será apenas a primeira vez em toda sua trajetória que ela disputará uma final da WTA.

A marca premia um ano especial na carreira de Bia Haddad, que entrou na temporada apenas como a número 184 do mundo, mas ganhou mais de 100 posições desde e então e aparece agora na 71.ª colocação. Com a classificação para a final, aliás, ela deve subir ainda mais no ranking e se aproximar do Top 50.

Para alcançar tal feito, Bia superou Hogenkamp pela segunda vez na carreira. Diante da número 119 do mundo, a brasileira começou arrasadora e quebrou o serviço da adversária em duas oportunidades no primeiro set para sair em vantagem.

Talvez pela ansiedade de chegar à final, no entanto, Bia não teve a mesma facilidade na segunda parcial. Pelo contrário, foi quebrada logo de cara pela holandesa e precisou suar para devolver e vencer um game no serviço da adversária. O duelo, então, se encaminhou para o tie-break, no qual a brasileira levou a melhor.

Agora, Bia vai em busca do primeiro título da WTA na carreira, mas não terá vida fácil. Ela vai encarar na decisão de domingo a cabeça de chave número 1 em Seul, a letã Jelena Ostapenko, décima colocada no ranking. A tenista de 20 anos, campeã em Roland Garros nesta temporada, eliminou na semifinal a tailandesa Luksika Kumkhum por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/1 e 6/3.

Tudo o que sabemos sobre:
TênisBia Haddad Maia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.