Arun Sankar/AFP
Arun Sankar/AFP

Bia Haddad e Thiago Monteiro vencem na estreia no qualifying do US Open

Brasileiros triunfaram pela primeira rodada e ficam, assim, a duas vitórias da vaga na chave principal do Grand Slam

Estadão Conteúdo

22 Agosto 2018 | 19h50

Os brasileiros Beatriz Haddad Maia e Thiago Monteiro começaram bem a participação no qualifying do US Open, quarto Grand Slam da temporada, disputado em quadras duras, em Nova York. Nesta quarta-feira, ambos triunfaram pela primeira rodada. Assim, ficaram a duas vitórias da vaga na chave principal.

Atual 132ª colocada do ranking da WTA, Bia estreou contra a australiana Olivia Rogowska, 159ª do mundo, e a venceu por 2 sets a 0, com parciais de 7/6(7/3) e 6/1, em 1 horas e 36 minutos. A brasileira enfrentou a rival pela terceira vez no circuito e desempatou o confronto direto para 2 a 1.

Bia vai tentar disputar a chave principal do último Grand Slam do ano pela segunda vez. A primeira foi em 2017. Em busca desse objetivo, a brasileira agora terá pela frente a canadense Françoise Abanda, que nesta quarta passou pela francesa Jessika Ponchet por 1/6, 6/2 e 6/3.

A tenista número 1 do Brasil, que deixou recentemente o Rio para treinar em Florianópolis, está voltando ao circuito aos poucos após ser submetida a uma cirurgia nas costas em maio. Seu retorno aconteceu no ITF de Vancouver, no Canadá, na semana passada. Ela venceu um jogo e caiu na segunda rodada.

No qualifying do evento masculino, Monteiro estreou contra o japonês Tatsuma Ito, 165º do mundo, e conquistou um sofrido triunfo nesse duelo inédito no circuito, por 2 sets a 1, com parciias de 7/5, 6/7 (5/7) e 6/2, em 2 horas e 14 minutos.

O brasileiro, número 1 do País e 119º do ranking da ATP, tenta disputar a chave principal do US Open pela segunda temporada seguida. E o seu próximo rival em Nova York será o francês Calvin Hemery, que derrotou nesta quarta o alemão Matthias Bachinger, por 7/6 (7/3) e 6/3.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.