Divulgação/Bia Haddad
Divulgação/Bia Haddad

Bia Haddad Maia perde em final e fica com o vice nos Estados Unidos

Brasileira é derrotada pela americana Whitney Osuigwe por 2 sets a 0 na decisão do Torneio de Tyler

Estadão Conteúdo

04 Novembro 2018 | 19h46

Na luta para voltar à melhor forma física e técnica, após passar um bom tempo de fora do circuito profissional nesta temporada por ter passado por uma cirurgia nas costas, a tenista brasileira Beatriz Haddad Maia buscava nesta semana o título do Torneio de Tyler, nos Estados Unidos - um ITF com premiação de US$ 80 mil (cerca de R$ 320 mil). Mas parou justamente na decisão, neste domingo, para a norte-americana Whitney Osuigwe, que ganhou por 2 sets a 0 - parciais de 6/3 e 6/4.

"Eu já esperava por um jogo difícil. Apesar da idade (16 anos), ela joga muito bem. Treinamos juntas durante as semanas que estive na IMG Tennis Academy, então já nos conhecíamos bem", observou Bia Haddad.

"Hoje (domingo) não consegui jogar como nas últimas partidas, mas foi uma semana muito especial aqui, incrível mesmo, principalmente pelo que passei nos últimos meses. Estar 100% saudável sempre será o meu objetivo. Venho melhorando em quadra e só quero continuar fazendo o meu melhor todos os dias e ver onde posso chegar", afirmou a tenista número 1 do Brasil e 235.ª do mundo.

Pela campanha em Tyler, Bia Haddad deverá subir 52 posições no ranking da WTA, que será divulgado nesta segunda-feira, e aparecer na 183.ª posição. Nesta semana, a brasileira disputará outro torneio do mesmo nível, desta vez em Las Vegas.

 

 

Mais conteúdo sobre:
tênisBia Haddad

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.