Bia Haddad perde na última rodada do quali do Torneio de Monterrey

Tenista brasileira passa a se concentrar no Torneio de Bogotá, na Colômbia

Estadao Conteudo

03 de abril de 2017 | 21h02

Atual tenista número 1 do Brasil, Beatriz Haddad Maia foi eliminada na última rodada do qualifying que dá vaga na chave principal do Torneio de Monterrey, no México. A brasileira foi derrotada pela norte-americana Kristie Ahn pelo placar de 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 7/5.

Se tivesse ganhado a partida, a número 157 do mundo disputaria pela segunda vez na temporada a chave principal de um torneio de nível WTA. Há quase duas semanas, ela competiu em Miami e chegou à segunda rodada, quando foi derrotada pela veterana Venus Williams.

Agora a tenista brasileira se concentrará para disputar o Torneio de Bogotá, na Colômbia, na próxima semana. Há dois anos, ela furou o qualifying na capital colombiana e avançou até as oitavas de final.

CHARLESTON

No primeiro dia do principal torneio da semana, a chuva apareceu e atrapalhou a rodada noturna, adiando quatro partidas para terça-feira. Antes disso, a porto-riquenha Monica Puig, atual campeã olímpica, e a sérvia Jelena Jankovic, ex-número 1 do mundo, venceram em suas estreias no saibro verde da competição norte-americana.

Puig vencia a checa Katerina Siniakova por 4/6, 6/2 e 4/1 quando a rival abandonou a partida.

ABANDONO

Na segunda rodada, ela vai enfrentar a vencedora do confronto entre a russa Daria Kasatkina e a montenegrina Danka Kovinic. Já Jankovic aplicou um "pneu" na russa Ekaterina Alexandrova: 6/0 e 6/4. Sua próxima adversária será a australiana Samantha Stosur.

Também avançaram à segunda rodada a japonesa Naomi Osaka, a local Alison Riske, a ucraniana Kateryna Bondarenko, a alemã Andrea Petkovic, a tunisiana Ons Jabeur, a letã Jelena Ostapenko e a alemã Laura Siegemund.

Tudo o que sabemos sobre:
Tênistênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.