Jeon Heon-Kyun/EFE
Jeon Heon-Kyun/EFE

Bia Haddad perde para favorita e fica com vice em sua primeira final na WTA

Brasileira vence primeiro set, mas leva a virada da letã Jelena Ostapenko, campeã em Roland Garros, no Torneio de Seul

Estadão Conteúdo

24 de setembro de 2017 | 08h59

A brasileira Bia Haddad Maia ficou com o vice-campeonato no Torneio de Seul, na Coreia do Sul, neste domingo. Em sua primeira final da carreira no circuito da WTA, a tenista de 21 anos até começou bem, mas não resistiu à favorita Jelena Ostapenko, da Letônia, e perdeu por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 6/7 (5/7), 6/1 e 6/4.

Campeã de Roland Garros neste ano, Ostapenko, de 20 anos, era a principal favorita ao título em Seul. A tenista, porém, precisou de 2h15min para conquistar seu segundo troféu de simples na carreira, ao superar Bia, que chegou como zebra à decisão e é apenas a número 71 do mundo.

Apesar da derrota, a brasileira pôde comemorar a primeira final da carreira. De quebra, Bia subirá no ranking da WTA na nova atualização, que será divulgada nesta segunda-feira, e entrará no top 60.

E a brasileira chegou a sonhar com a vitória neste domingo, principalmente após vencer o primeiro set no tie-break. A partir daí, no entanto, ela viu Ostapenko recuperar seu jogo e, mesmo com bastante dificuldade, reagir para buscar a virada.

Pesou contra Bia o dia ruim no serviço. Ambas as tenistas tiveram sete break points, mas Ostapenko aproveitou todos eles, enquanto a brasileira conseguiu quatro vitórias em games no saque da letã.

Tudo o que sabemos sobre:
TênisBia Haddad Maia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.