Brasil bate Alemanha nas duplas e diminui desvantagem na Davis

No domingo, Thomaz Bellucci enfrenta Philipp Kohlschreiber e Rogério Dutra Silva pegará Florian Mayer

AE, Agência Estado

14 de setembro de 2013 | 10h17

NEU-ULM - A dupla formada por Marcelo Melo e Bruno Soares venceu Martin Emmrich e Daniel Brands neste sábado, diminuindo a vantagem da Alemanha sobre o Brasil na série melhor de cinco partidas entre os dois países pelo playoff do Grupo Mundial da Copa Davis. Mesmo na casa do adversário, em Neu-Ulm, Melo e Soares não tiveram maiores dificuldades para fazer 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/4 e 6/4, e marcaram o primeiro ponto do time brasileiro, que perde agora por 2 a 1.

A desvantagem brasileira foi criada na última sexta-feira, quando o País perdeu as duas partidas de simples. Primeiro, Rogério Dutra Silva foi batido com relativa facilidade por Philipp Kohlschreiber, por 3 a 0. Depois, foi a vez de Thomaz Bellucci ser atropelado por Florian Mayer, também em três sets.

A vitória brasileira neste sábado era esperada, já que Marcelo Melo e Bruno Soares passam por grande momento e estão entre os melhores do mundo no ranking de duplistas da ATP - Melo é o 11.º e Soares, o quarto. Apesar disso, a situação do Brasil segue complicada, já que no último dia a equipe precisa de duas vitórias para vencer o confronto. Neste domingo, Thomaz Bellucci enfrenta Philipp Kohlschreiber e Rogério Dutra Silva pegará Florian Mayer.

Para chegar à vitória neste sábado, a dupla brasileira passou longe do brilhantismo, mas foi precisa e correu poucos riscos. Em cada um dos sets, Melo e Soares conseguiram apenas uma quebra, o necessário para fechar a partida. Por outro lado, os alemães sofreram com o saque adversário e tiveram apenas um break point.

OUTROS RESULTADOS

Ainda neste sábado, já aconteceram outros dois jogos pelo playoff do Grupo Mundial da Copa Davis. Colômbia e Israel venceram suas partidas de duplas e passaram à frente por 2 a 1 diante de Japão e Bélgica, respectivamente.

Juan-Sebastian Cabal e Robert Farah atropelaram Tatsuma Ito e Yuichi Sugita por 3 sets a 0, com parciais de 6/1, 6/2 e 6/1, mesmo atuando fora de casa, e deram a vantagem aos colombianos. Também fora de casa, Israel saltou à frente graças à vitória de Jonathan Erlich e Andy Ram sobre Steve Darcis e Olivier Rochus por 3 sets a 2, com parciais de 6/3, 5/7, 1/6, 7/5 e 6/3.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.