Brasil joga na Davis em "quadra de hóquei"

A neve recebeu a equipe brasileira da Copa Davis para o primeiro dia de treinos em Calgary. O cenário não poderia estar melhor desenhado. Afinal, o confronto de Brasil x Canadá no playoff do Grupo Mundial será jogado em uma antiga quadra de hóquei no gelo. O frio e as condições do piso - muito rápido - não tiraram o humor do time dirigido por Ricardo Acioly, nem mesmo depois de tomarem conhecimento que as partidas terão horários diferentes a cada dia, o que passa a ser mais um obstáculo, pois dificulta a preparação e a rotina dos jogadores. Para a rodada de abertura, na sexta-feira, a primeira partida de simples começará às 16 horas de Calgary, ou seja, 19 horas de Brasília.O segundo jogo de simples será a seguir, mas como as partidas da Davis são sempre em melhor de cinco sets, os duelos podem seguir madrugada adentro. No sábado, para as duplas, o encontro está marcado para as 17 horas, (Brasília); e domingo, a primeira partida de simples, às 14 horas, de Brasília.A mudança de horário no primeiro dia é para tentar lotar as arquibancadas num dia de semana. O estádio de Calgary tem capacidade para aproximadamente quatro mil pessoas e já foi usado como quadra de hóquei. Hoje serve como exposição de feiras de agropecuária. O time brasileiro espera contar com os vários estudantes do País na cidade para ter sua torcida.A quadra é da marca francesa Taraflex, uma superfície bastante rápida, e está montada sobre cimento, o que faz a bolinha pular alta e ganhar velocidade. Nada que possa surpreender o técnico brasileiro, Acioly, que já esperava condições adversas para o Brasil.Semifinal - Para evitar novas surpresas, o time brasileiro vem treinando em dois períodos, agora já completo com Gustavo Kuerten, Flávio Saretta, André Sá, Ricardo Mello e o reserva Franco Ferreiro. Na equipe canadense não há um jogador sequer entre os 200 do ranking mundial e está formada por Simon Larose - que ganhou de Guga recentemente - Frank Dancevic, Fred Niemeyer e o duplista Daniel Nestor.Além dos jogos da repescagem, a Copa Davis terá as semifinais do Grupo Mundial neste fim de semana. O confronto mais esperado era o de Espanha x Argentina, em Málaga. Mas o time argentino sofreu duras perdas com a saída de dois de seus melhores jogadores, Guillermo Coria e David Nalbandian. Ambos alegaram problemas com contusão, mas há suspeitas de boicote ao técnico Gustavo Luza. Os argentinos terão agora Mariano Zabaleta, Gaston Gaudio, Agustin Calleri e Lucas Arnold. A Espanha vai de Juan Carlos Ferrero, Albert Costa, Carlos Moya e Alex Corretja.A outra semifinal terá os australianos, de Lleyton Hewitt e Mark Philippoussis, recebendo a Suíça, do campeão de Wimbledon, Roger Federer.Pelo playoff jogam Áustria x Bélgica, Canadá x Brasil, Tailândia x República Checa, Alemanha x Bielo-Rússia, Marrocos x Inglaterra, Holanda x Índia, Equador x Romênia e República Eslovaca x Estados Unidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.