Brasileiro Ghem perde e cai no qualifying na Austrália

O único representante do País vivo no torneio é Thomas Bellucci

Agência Estado

10 de janeiro de 2014 | 08h32

MELBOURNE - Thomas Bellucci é o único brasileiro ainda com chances de disputar a chave principal do Aberto da Austrália. Na madrugada desta sexta-feira (horário de Brasília), André Ghem, outro tenista do País que disputava o qualifying para o primeiro Grand Slam do ano, perdeu para o lituano Ricardas Berankis e viu suas chances de avançar à chave principal caírem por terra.

Número 226 do mundo, Ghem não foi páreo para Berankis, 130.º do ranking da ATP, e acabou caindo por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/3, em 1h17min. O lituano foi superior em todo o duelo, soube impor o seu ritmo e confirmou três das 11 oportunidades de quebra que teve para arrancar para a vitória.

Se vencesse Berankis, Ghem estaria a uma partida de chegar à chave principal da competição, já que havia estreado com triunfo no qualifying, ao fazer 2 sets a 0 sobre o ucraniano Denys Molchanov. Agora é o lituano que vai ter a chance de disputar a vaga no torneio diante do eslovaco Andrej Martin.

Na noite desta sexta-feira (horário de Brasília), será a vez de Bellucci disputar a chance de chegar à chave principal do Aberto da Austrália. Depois de vencer o francês Maxime Teixeira na estreia e o austríaco Martin Fischer na segunda rodada, o brasileiro atuará diante do japonês Taro Daniel. Quem vencer terá o direito de disputar o primeiro Grand Slam do ano.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisAberto da AustráliaAndré Ghem

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.