Brasileiros são eliminados na estréia em Montevidéu

Dois tenistas brasileiros entraram em quadra nesta segunda-feira, na estréia do Torneio Challenger de Montevidéu, no Uruguai, que vale como a quarta etapa da Copa Petrobras. E ambos perderam e foram precocemente eliminados.O paulista Thiago Alves, número 112 do mundo e 3 do Brasil, foi derrotado pelo austríaco Daniel Koellerer por fáceis 2 sets a 0 - com parciais de 6/3 e 6/1. A queda pode atrapalhar os planos do tenista de São José do Rio Preto de terminar a temporada entre o top 100 do mundo.Apesar da boa atuação, o paulista João Souza, o Feijão, não conseguiu passar pelo argentino Sergio Roitman, que ganhou a partida por 2 sets a 1 - com parciais de 7/5, 3/6 e 6/1. "Me faltou consistência", queixou-se o tenista, que é treinado por Ricardo Acioly. "Errei muito porque me apressei, faltou paciência no terceiro set."Outros três brasileiros estão no torneio uruguaio e farão suas estréias nesta terça. Flávio Saretta, convidado da organização, enfrenta o espanhol Alberto Martín, cabeça-de-chave número 3; o gaúcho Franco Ferreiro tem pela frente o argentino Brian Dabul (cabeça 7); e o paulista Ricardo Hocevar joga contra o espanhol Pablo Santos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.