Brasileiros se dão bem no qualifying

Os brasileiros se deram bem no primeiro dia de qualificatório para a chave principal de Roland Garros, que começará na próxima segunda-feira. Dos seis tenistas inscritos, quatro seguem na disputa. Cada um precisa vencer três partidas para se juntar a Ricardo Mello e Gustavo Kuerten no torneio, que é o segundo Grand Slam da temporada. Flávio Saretta, terceiro melhor brasileiro no ranking da ATP, ganhou com facilidade do austríaco Daniel Koellerer por dois sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/3. Nesta quarta-feira, Saretta enfrenta o argentino Juan-Pablo Guzman. O paulista Júlio Silva bateu o francês Jerome Golmard por 2 sets a 0, com parciais de 6/0 e 6/2, e encara agora o também francês Nicolas Devilder. Pelo mesmo placar, com parciais de 6/3 e 6/1, Franco Ferreiro derrotou o francês Gary Lugassy. Na próxima rodada, o adversário será o sérvio Novak Djokovic. Depois de levar um susto no primeiro set, quando perdeu por 6/1, Marcos Daniel se superou em quadra e virou contra o colombiano Alejandro Falla com um duplo 6/1. O suíço Ivo Heuberger é o próximo desafio de Daniel. Quem decepcionou foi o mineiro André Sá, derrotado facilmente pelo belga Jeroen Masson por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/3. Outra derrota veio com Thiago Alves, batido pelo checo Bohdan Ulirach por 2 sets 1 - parciais de 2/6, 6/4 e 6/3. Na chave feminina, que começa nesta quarta-feira, a única brasileira na disputa é Maria Fernanda Alves. A catarinense terá pela frente a japonesa Saori Obata.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.