Alastair Grant/AP
Alastair Grant/AP

Bruno Soares comemora 100% de aproveitamento na fase de grupos do ATP Finals

Brasileiro venceu as três partidas que disputou no torneio, ao lado de Jamie Murray

Estadão Conteúdo

15 de novembro de 2018 | 18h46

Garantido na semifinal do ATP Finals, o tenista brasileiro Bruno Soares faturou nesta quinta-feira a terceira vitória em três jogos na competição que encerra a temporada e reúne as oito melhores duplas do ano, em Londres. E não deixou de comemorar a forte campanha até agora.

"Estou super feliz. Conseguimos fechar o grupo com 100% de aproveitamento e jogando bem, com confiança. E agora é mais uma oportunidade de jogar semifinal aqui, já é a minha quarta. Mas vale lembrar que nas três vezes que caí na semifinal, eu também me classifiquei em primeiro no grupo. Ou seja, num torneio como esse, isso não diz nada. Quem vai para semifinal está jogando muito", ponderou Soares.

O brasileiro e o escocês Jamie Murray encerraram sua participação na fase de grupos ao vencerem os atuais campeões Henri Kontinen e John Peers de virada, por 3/6, 7/6 (7/3) e 10/3. Eles deveriam enfrentar Nikola Mektic e Alexander Peya, mas Peya desistiu da competição por lesão no cotovelo e a parceria foi substituída.

Agora a dupla do brasileiro espera pela definição do outro grupo da competição para conhecer seus adversários da semifinal. A outra chave tem Marcelo Melo, que perdeu suas duas primeiras partidas e tem chances remotas de avançar.

"O outro grupo é o grupo da morte, pela qualidade dos jogadores. Os dois que saírem daquele grupo vão sair muito fortes, todo mundo ali já ganhou Grand Slam. Agora é se preparar. Amanhã [sexta] temos um dia de descanso, mais um dia pra estudar os adversários. O que vier é pedreira, mas estamos confiantes e jogando bem, agora é tentar executar isso aí mais uma vez", projetou o brasileiro.

Soares e Murray ficaram em primeiro no grupo. A segunda posição, e segunda vaga na próxima fase, ficou com os colombianos Robert Farah e Juan Sebastian Cabal. Eles garantiram a classificação ao vencerem o sul-africano Raven Klaasen e o neozelandês Michael Venus por 6/3 e 7/6 (7/5).

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
tênisBruno SoaresJamie Murray

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.