Divulgação
Divulgação

Bruno Soares e Alexander Peya batem irmãos Bryan e são bi em Valência

Mais uma vez numa final contra os melhores do mundo, dupla do brasileiro leva a melhor

AE, Agência Estado

27 de outubro de 2013 | 13h13

SÃO PAULO - No duelo entre as duas melhores duplas do mundo, Bruno Soares e Alexander Peya se deram melhor e conquistaram pelo segundo ano consecutivo o título do Torneio de Valência. Neste domingo, o brasileiro e o austríaco, segundos colocados no ranking, se sagraram campeões do ATP 500 espanhol com a vitória na decisão sobre os norte-americanos Bob e Mike Bryan, a melhor dupla da lista, por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/3), 6/7 (1/7) e 13/11, em 1 hora e 47 minutos.

A decisão deste domingo foi extremamente equilibrada e definida em detalhes. No primeiro set, Soares e Peya converteram o único break point que tiveram, no 11º game. Em seguida, porém, quando sacavam para fechar a parcial, foram quebrados pelos irmãos Bryan. Assim, a disputa seguiu para o tie-break, vencido pelo brasileiro e pelo austríaco. O segundo set não teve quebras de serviço e com apenas um break point, favorável a Soares e Peya. Mas eles o desperdiçaram e a definição da parcial ficou novamente para o tie-break, dessa vez vencido por Bob e Mike Bryan. E os norte-americanos pareciam com a conquista encaminhada no match tie-break, pois abriram 5 a 2 e depois fizeram 9 a 6.

Soares e Peya, porém, reagiram. O brasileiro e o austríaco salvaram quatro match points e fizeram três pontos seguidos para vencer o match tie-break por 13/11 e a partida em 2 sets a 1, garantindo a conquista do bicampeonato do Torneio de Valência.

O título deste domingo foi o sexto de Soares na temporada, sendo o quinto ao lado de Peya, com quem também venceu o Masters 1000 de Cincinnati, o Torneio de Barcelona, o Brasil Open e o Torneio de Eastbourne. A outra conquista do brasileiro foi o Torneio de Auckland com o britânico Colin Fleming. Na sua carreira, Soares passa a somar 16 títulos, sendo metade deles com Peya, em 29 finais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.