P Perusseu/EFE
P Perusseu/EFE

Bruno Soares e Alexander Peya são eliminados nas duplas em Roland Garros

Já André Sá e o croata Mate Pavic avançam no Grad Slam francês

Agência Estado

30 de maio de 2014 | 11h05

PARIS - O Brasil acumulou uma vitória e uma derrota nesta sexta-feira na chave de duplas masculinas de Roland Garros. Favorita a conquistar uma vaga nas oitavas de final, a parceira formada por Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya, cabeças de chave número 2 do Grand Slam francês, decepcionaram e acabaram eliminados. Já André Sá e o croata Mate Pavic desbancaram o favoritismo do filipino Treat Huey e do britânico Dominic Inglot para seguirem em frente em Paris.

Soares e Peya foram derrotados pelos holandeses Andre Begemann e Robin Haase, que venceram de virada, por 2 sets a 1, com parciais de 5/7, 6/4 e 6/4. Já Sá e Pavic bateram a dupla sétima cabeça de chave da competição por 7/6 (7/5) e 7/6 (8/6).

Assim, o Brasil agora conta com duas duplas ainda vivas em Paris e garantidas nas oitavas de final, pois na última quinta-feira Marcelo Melo e o israelense israelense Jonathan Erlich superaram o indiano Rohan Bopanna e o paquistanês Aisam-Ul-Haq Qureshi por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, para também avançar.

Em um dos duelos desta sexta, Soares e Peya começaram melhor diante de Begemann e Haase. Com duas quebras de saque conquistadas, eles foram superados com o serviço na mão apenas uma vez e assim fizeram 7/5. A partir dali, porém, o brasileiros e o austríaco não conseguiram converter mais nenhum break point no duelo e viram seus rivais obterem uma quebra em cada set para conseguir o duplo 6/4 que liquidou a partida.

Já o experiente Sá e Mate Pavic travaram um jogo bastante equilibrado com Huey e Inglot. Sem quebras de saque para nenhum lado no primeiro set, a parcial acabou sendo decidida no tie-break, no qual o brasileiro e o croata foram um pouco superiores para fazer 7/5. Já no segundo set, cada parceria obteve uma quebra e a disputa foi para novo desempate, com Sá e Pavic ganhando de novo por vantagem mínima, desta vez por 8/6.

Os próximos adversários de Sá e Pavic, agora pelas oitavas de final, serão os espanhóis Marcel Granollers e Marc López, que na última quinta passaram pelo espanhol Guillermo García-López e pelo austríaco Philipp Oswald por 2 sets a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.