Cai o último brasileiro na grama de Wimbledon

Henrique Cunha chegou às quartas-de-final do Grand Slam inglês, mas foi superado pelo favorito Bernard Tomic

Redação,

03 de julho de 2008 | 16h39

Chegou ao fim a participação brasileira no torneio de Wimbledon. O paulista Henrique Cunha esteve próximo de chegar às semifinais da competição juvenil, no entanto, permitiu a virada e perdeu para o australiano Bernard Tomic, por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/4 e 6/3. Depois das eliminações de Marcos Daniel e Thomaz Bellucci - em simples e duplas - e de Bruno Soares, Marcelo Melo e André Sá, em duplas masculinas e mistas, Henrique Cunha era o único representante do Brasil no All England Club.  E Henrique Cunha, de 18 anos, começou bem. Demonstrando equilíbrio e boa variação de jogadas, o tenista venceu o primeiro set sobre Tomic, considerado um dos favoritos a ganhar o torneio. No segundo e terceiro sets, o australiano conseguiu encaixar suas melhores jogadas e não deu chances ao brasileiro. Nascido em Jaú, no interior de São Paulo, Henrique Cunha chegou a Wimbledon como sexto cabeça-de-chave, credenciado pelo título de Queens, torneio preparatório para o Grand Slam. 

Tudo o que sabemos sobre:
Henrique CunhaWimbledon

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.