Site oficial: Hugo Calderano
Site oficial: Hugo Calderano

Calderano fica a uma posição do Top 10 do tênis de mesa após campanha histórica

Ascensão se deu pelo resultado por equipes do Brasil no Mundial da Suécia

Estadão Conteúdo

08 Maio 2018 | 15h38

Hugo Calderano deu mais um passo para conseguir figurar no seleto grupo dos dez melhores mesa-tenistas do mundo. Nesta terça-feira, o brasileiro ascendeu para a 11ª colocação do ranking da Federação Internacional de Tênis de Mesa ao ganhar um posto na lista em relação ao mês anterior.

+ Brasil cai para a Alemanha nas quartas do Mundial por Equipes de Tênis de Mesa

A ascensão de Calderano do 12º para o 11º lugar se deu logo após ele liderar a histórica campanha do Brasil no Mundial por Equipes de Tênis de Mesa, realizado na semana passada, na Suécia, onde o time do País ficou entre os oito melhores após perder nas quartas de final para a Alemanha, que foi a vice-campeã - o título foi conquistado pela China.

Calderano agora está com 12.680 pontos, a apenas 84 do décimo colocado, o prodígio japonês Tomokazu Harimoto, de apenas 15 anos. O ranking continua sendo liderado pelo chinês Fan Zhendong, com 17.001 pontos, seguido por dois alemães, Dimitrij Ovtcharov, o segundo colocado, e Timo Boll, o terceiro.

Outros dois brasileiros presentes no Top 100 também ascenderam nesta atualização do ranking. Gustavo Tsuboi pulou 19 posições, para o 36º lugar. Já Eric Jouti subiu do 98º lugar para o 79º nesta atualização do ranking.

FEMININO

Na lista feminina do tênis de mesa, Bruna Takahashi continua sendo a melhor brasileira, tendo atingido a 65ª colocação após ganhar 24 postos. Mas agora o País passa a contar com duas jogadoras no Top 100, pois Lin Gui, que na listagem anterior estava na 102ª posição, se tornou a número 89 do mundo.

Mais conteúdo sobre:
Hugo Calderano tênis de mesa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.