Julian Finney/AFP
Julian Finney/AFP

Campeã em Miami, Konta assume 7ª posição do ranking da WTA; Venus volta ao Top 10

Tenista britânica era a 11ª colocada antes da conquista do título

Estadao Conteudo

03 de abril de 2017 | 11h46

Campeã do Torneio de Miami no último sábado, quando superou a dinamarquesa Caroline Wozniacki na final, a britânica Johanna Konta atingiu o melhor ranking de sua carreira ao assumir nesta segunda-feira a sétima posição da WTA.

A tenista de 25 anos de idade figurava na 11ª colocação na atualização anterior da listagem da entidade e assim entrou no Top 10 de forma expressiva, agora com 4.330 pontos. Com o título nos Estados Unidos, Konta deixou para trás, entre outras tenistas, a norte-americana Venus Williams, que foi eliminada justamente pela britânica nas semifinais, mas teve como recompensa pela boa campanha no torneio norte-americano a sua volta ao Top 10.

A veterana jogadora de 36 anos de idade subiu da 12ª para a 10ª colocação, com 3.865 pontos, e passou a fechar o grupo das dez primeiras colocadas, que continua sendo liderado pela alemã Angelique Kerber, apesar de sua eliminação diante justamente de Venus Williams nas quartas de final em Miami. Ela contabiliza 7.340 pontos e tem logo atrás dela a norte-americana Serena Williams, com 7.010.

Outra ex-número 1 do mundo, assim como já foi Venus, Caroline Wozniacki também galgou dois postos da WTA nesta segunda-feira e assumiu a 12ª posição. Derrotada pela dinamarquesa nas semifinais em Miami, a checa Karolina Pliskova Pliskova se manteve na terceira colocação, seguida pela eslovaca Dominika Cibulkova, pela romena Simona Halep e pela espanhol Garbiñe Muguruza, que também permaneceram nas respectivas quarta, quinta e sexta posições.

O mesmo vale para a polonesa Agnieszka Radwanska, que sustentou o oitavo lugar. Já a russa Svetlana Kuznetsova caiu no Top 10 ao passar do sétimo para o nono posto. Este nono lugar pertencia anteriormente à norte-americana Madison Keys, que também caiu duas colocações e agora é a 11ª tenista do mundo.

Mas quem teve queda realmente expressiva nesta segunda-feira foi a bielo-russa Victoria Azarenka, outra ex-número 1 do tênis, que despencou da 48ª para a 317ª colocação. Ela segue descendo no ranking por causa do seu afastamento do circuito profissional provocado pelo nascimento do seu primeiro filho, pois ela ainda se recupera da gravidez e ainda não jogou nesta temporada.

BRASILEIRAS

Entre as tenistas do Brasil, a atual número 1 do País, Bia Haddad Maia, galgou mais nove postos e passou a ocupar a 157ª colocação no geral. Outra brasileira no Top 200, Paula Cristina Gonçalves também subiu ao saltar da 187ª para a 181ª posição.

Já Teliana Pereira, que na atualização anterior do ranking ocupava a 189ª colocação, saiu do grupo das 200 bem posicionadas ao cair para o 204º lugar.

Confira o ranking atualizado da WTA:

1) Angelique Kerber (ALE), 7.340 pontos

2) Serena Williams (EUA), 7.010

3) Karolina Pliskova (RCH), 6.020

4) Dominika Cibulkova (ESQ), 5.245

5) Simona Halep (ROM), 5.022

6) Garbiñe Muguruza (ESP), 4.790

7) Johanna Konta (GBR), 4.330

8) Agnieszka Radwanska (POL), 4.290

9) Svetlana Kuznetsova (RUS), 4.025

10) Venus Williams (EUA), 3.865

11) Madison Keys (EUA), 3.857

12) Caroline Wozniacki (DIN), 3.810

13) Elina Svitolina (UCR), 3.740

14) Elena Vesnina (RUS), 3.235

15) Petra Kvitova (RCH), 3.030

16) Anastasia Pavlyuchenkova (RUS), 2.196

17) Samantha Stosur (AUS), 2.120

18) Barbora Strycova (RCH), 2.080

19) Kristina Mladenovic (FRA), 2.080

20) Time Bacsinszky (SUI), 1.913

157) Bia Haddad Maia (BRA), 366

181) Paula Cristina Gonçalves (BRA), 287

204) Teliana Pereira (BRA), 252

Tudo o que sabemos sobre:
tênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.