AP
AP

Campeão em Montreal, Murray vira número 2 do mundo

Britânico tomou a posição de Nadal, que ainda se recupera de tendinite nos joelhos; Federer é o líder

AE, Agencia Estado

17 de agosto de 2009 | 08h39

A Associação de Tenistas Profissionais (ATP) confirmou nesta segunda-feira, com a divulgação de seu ranking, que o britânico Andy Murray assumiu a segunda colocação na lista, com 9250 pontos, atrás do suíço Roger Federer, que tem 11040. O tenista escocês foi campeão do Masters 1000 de Miami no domingo, ao derrotar o argentino Juan Martin del Potro na final.

Veja também:

linkMurray vence Del Potro e conquista Masters de Montreal

 

Agora, Murray vai trabalhar para chegar ao US Open como cabeça de chave número 2. Para isso, tentará fazer boa campanha no Masters 1000 de Cincinnati, que será disputado nesta semana. O espanhol Rafael Nadal é o terceiro colocado do ranking da ATP, com 8665 pontos.

Novak Djokovic, que parou nas quartas de final em Montreal, está em quarto lugar, com 7150 pontos. Em boa fase, o norte-americano Andy Roddick segue em quinto, mas, com 5800 pontos, está mais perto do tenista sérvio. O argentino Juan Martin del Potro, vice-campeão em Montreal, é o sexto, com 5405 pontos.

O top 10 é completado por Jo-Wilfried Tsonga, Nikolay Davydenko, Gilles Simon e Fernando Verdasco. O tenista espanhol está de volta aos dez primeiros lugares, com a queda de duas posições do chileno Fernando González.

Fora das quadras há duas semanas, o brasileiro Marcos Daniel caiu uma posição no ranking da ATP e agora é o número 58 do mundo. Thomaz Bellucci, que não joga desde o título do Torneio de Gstaad, segue na 67.ª colocação.

Confira o ranking da ATP, 17/8:

1) Roger Federer (SUI), 11.040 pontos

2) Andy Murray (GBR), 9250

3) Rafael Nadal (ESP), 8665

4) Novak Djokovic (SRV), 7150

5) Andy Roddick (EUA), 5800

6) Juan Martín Del Potro (ARG), 5405

7) Jo-Wilfried Tsonga (FRA), 3960

8) Nikolay Davydenko (RUS), 3655

9) Gilles Simon (FRA), 3320

10) Fernando Verdasco (ESP), 3185

11) Robin Soderling (SUE), 2905

12) Fernando González (CHI), 2815

13) Gaël Monfils (FRA), 2485

14) David Nalbandian (ARG), 2465

15) Marin Cilic (CRO), 2340

16) Tommy Robredo (ESP), 2245

17) Radek Stepanek (RCH), 2015

18) Tomas Berdych (RCH), 1915

19) David Ferrer (ESP), 1890

20) Stanislas Wawrinka (SUI), 1835

58) Marcos Daniel (BRA), 890

67) Thomaz Bellucci (BRA), 813

107) Thiago Alves (BRA), 592

183) Ricardo Hocevar (BRA), 347

192) Ricardo Mello (BRA), 334

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.