Cañas vence final argentina e é campeão em São Paulo

Deu a lógica no Aberto de São Paulo. O argentino Guillermo Cañas, maior favorito, venceu dois jogos neste domingo e conquistou o título. De manhã, na semifinal, bateu o brasileiro Rogério Dutra Silva por 6/3 e 6/1. À tarde, venceu o compatriota Diego Hartfield por 6/3 e 6/4 na decisão. Ex-top 10, Cañas vem de uma suspensão de um ano e três meses por doping. Voltou em setembro do ano passado e vem acumulando títulos. Em oito torneios, conquistou cinco títulos: os Challengers de Montevidéu, Buenos Aires, Belém, Bogotá e São Paulo. Com o título deste domingo, deve subir da atual 143ª posição no ranking e chegar perto do top 100. Derrotado por Cañas na semifinal, o brasileiro Rogério Dutra Silva, 263º do ranking, comemorou o melhor resultado de sua carreira. Os 36 pontos conquistados em São Paulo devem fazer ele pular mais de 40 posições. ?Devo ficar perto do 210, 220, o que é importante. Vou conseguir entrar direto em vários challengers?, disse. Rogério não teve chances contra Cañas. Logo no início, perdia por 3/0. Conseguiu equilibrar a partida, mas perdeu por 6/3. No segundo set, teve poucas chances contra o jogo agressivo do argentino. ?Ele realmente é um jogador diferenciado. Nos momentos decisivos, consegue um saque bom ou uma devolução perfeita. É nesse tipo de jogo que dá para aprender muito.?Rogério tentará agora disputar o primeiro Grand Slam de sua carreira. Neste domingo à noite, viajou para a Austrália, onde disputará o qualifying. O Brasil ainda não tem tenistas garantidos no torneio. Thiago Alves tem chances de entrar direto na chave principal, caso alguns tenistas desistam. Se não passar pelo qualificatório, Rogério deve voltar para a América do Sul para disputar alguns challengers e tentar vaga em torneios nível ATP, como o de Viña del Mar, no Chile, e o Aberto do Brasil, na Costa do Sauípe, em fevereiro.

Agencia Estado,

07 de janeiro de 2007 | 17h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.