Capitão do Brasil convoca torcida para Copa Davis

Para João Zwetsch, é fundamental ter a casa cheia no duelo contra a Espanha, que acontece entre os dias 12 e 14 de setembro

Estadão Conteúdo

15 de agosto de 2014 | 21h05

A menos de um mês do duelo contra a Espanha pela Copa Davis, o capitão da equipe brasileira, João Zwetsch, convocou a torcida para lotar o Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, para o decisivo confronto que vale vaga no Grupo Mundial da principal competição entre países do planeta, entre os dias 12 e 14 de setembro.

"É fundamental ter casa cheia. Temos que levar em conta que a Espanha é atualmente a escola de tênis mais forte do mundo, tem vários jogadores para formar uma equipe com chance de ganhar a Copa Davis, como [Rafael] Nadal, [David] Ferrer e outros", disse o capitão, nesta sexta-feira.

Zwetsch avalia que a torcida será fundamental para equilibrar o confronto, que tem favoritismo declarado da Espanha. "O Brasil neste confronto está inferior e a presença da torcida é fundamental para que a gente possa encontrar forças e buscar as nossas chances, que são menores por causa da qualidade deles, principalmente se vierem com o time completo".

O capitão da equipe brasileira evitou antecipar qual será a escalação do time para o duelo, uma série de melhor-de-cinco jogos. Rogério Dutra Silva e João Souza, o Feijão, são os principais candidatos para jogar as partidas de simples, com Thomaz Bellucci, o número 1 do Brasil. Bruno Soares e Marcelo Melo jogarão a partida de duplas.

"Existem três possibilidades cogitadas, com jogadores que estão no mesmo nível, que são o Rogério, o Feijão e o Guilherme [Clezar]. Estou esperando até o final do US Open para definir a equipe, mas existe um contexto geral", desconversou Zwetsch.

"Qualquer um dos três pode fazer um bom papel porque eles estão no mesmo nível. O ranking é um pouco indiferente, porque eles estão se alternando. É sempre bom aguardar para definir principalmente porque tem um Grand Slam pela frente e um resultado em Grand Slam pode levar bastante em conta", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisCopa Davis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.