Reprodução/ Instagram/ Carol Meligeni
Reprodução/ Instagram/ Carol Meligeni

Carolina Meligeni perde de japonesa na final e fica com o vice na Argentina

Yuki Naito derrotou tenista brasileira por 2 sets a 1, com parciais de 1/6, 6/4 e 6/3

Redação, Estadão Conteúdo

28 de março de 2021 | 14h32

A brasileira Carolina Meligeni Alves não repetiu neste domingo as grandes atuações no ITF W25 de Buenos Aires, disputado em quadras de saibro na Argentina, e acabou levando a virada na decisão, perdendo para a japonesa Yuki Naito por 1/6, 6/4 e 6/3.

A sobrinha de Meligeni vinha de sete vitórias seguidas na competição e buscava sua maior conquista na carreira. Depois de despachar a favorita italiana Giulia Monticone, por 2 sets a 0, com fáceis parciais de 6/2 e 6/1, na semifinal, a brasileira mostrou nervosismo na decisão e acabou perdendo. Mas, seu segundo lugar tem de ser exaltado após campanha muito boa, com seis vitórias por 2 a 0 e uma por 2 a 1.

Carolina começou a final dando esperanças de que repetiria os grandes resultados ao longo do torneio. Ela foi muito bem no primeiro set, não dando chances para a japonesa, fechando por 6/1. Abriu a final com pinta de campeã, mostrando superioridade.

A resposta de Yuki Naito veio de imediato, com parcial de 6/4 no set seguinte, mais disputado e com uma quebra de vantagem, levando a decisão ao terceiro set.

Depois de sair em desvantagem de 4 a 1 no set decisivo, a brasileira reagiu e chegou a 4 a 3, sacando para empatar. Mas foi mal, repetiu erros e viu a japonesa novamente quebrar o seu serviço, abrindo 5 a 3. Yuki Naito sacou bem e conquistou o título fechando a parcial em 6/3.

Carol Meligeni, atual número 4 do Brasil e 371° do mundo, buscava seu sexto título no circuito profissional da ITF e o primeiro com grande premiação. Não ergueu o sonhado troféu, porém vai subir bem no ranking com os pontos somados em Buenos Aires.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.