Grant Halverson/AFP
Grant Halverson/AFP

Carreno Busta vence final espanhola em Winston-Salem e leva seu 1º título da ATP

Em seu primeiro campeonato, Pablo Carreno Busta venceu o compatriota Roberto Bautista Agut

Estadão Conteúdo

27 Agosto 2016 | 20h45

O espanhol Pablo Carreno Busta conquistou seu primeiro título no circuito mundial do tênis neste sábado ao bater o compatriota Roberto Bautista Agut por 6/7 (6/8), 7/6 (7/1) e 6/4, na decisão do Torneio de Winston-Salem, ATP 250 norte-americano preparatório para o US Open.

Busta, o número 49 do mundo, reagiu após perder o primeiro set no tie-break para superar Agut, o 17ª colocado no ranking, faturando o troféu após perder suas duas finais anteriores, ambas nesta temporada, sendo uma delas no Brasil Open. "Isso é incrível, uma sensação incrível", disse Busta. "Eu trabalhei muito duro para estar aqui, e agora tenho que aproveitar este momento".

Busta, de 25 anos, precisou de pouco mais de 2 horas e meia para se tornar o sexto jogador a levantar o seu primeiro troféu nesta temporada. Agut, de 28 anos e segundo cabeça de chave em Winston-Salem, estava tentando ganhar seu terceiro título na temporada e o quinto de sua carreira. Ele foi campeão em 2016 em Auckland (Nova Zelândia) e Sofia (Bulgária).

"Foi um jogo difícil, uma semana difícil", disse Agut, que venceu três jogos em três sets para avançar à final. "Eu vim aqui para jogar alguns jogos, por isso foi uma semana positiva para mim estar na final. Mais uma final na minha carreira".

Agut teve suas chances de levar o título do torneio, salvando dois set points no tie-break do primeiro set. Busta liderava por 6/4, mas Agut venceu quatro pontos seguidos para fechar a parcial. "Quando eu perdi o primeiro set, foi um momento muito difícil", disse Busta.

Porém, após os espanhóis trocarem quebras de serviço no quinto e sexto games do segundo set e forçarem um novo tie-break, Busta o dominou, vencendo sete pontos seguidos para forçar a realização da terceira parcial.

Busta conseguiu mais uma quebra no sexto game do terceiro set para abrir 4/2, encaminhando a sua vitória. A conquista o fará ascender na próxima atualização do ranking da ATP e aumenta sua confiança para a disputa do US Open, que começará na segunda-feira.

"Este ano, eu joguei jogos muito difíceis contra os melhores jogadores", disse Busta. "Isso é importante para mim. Eu não tenho tempo para comemorar esse título, mas isso só me dá mais confiança para jogar no US Open", concluiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.