Chuva cancela duas partidas pelo Torneio de Adelaide

A chuva foi o grande destaque desta sexta-feira do ATP de Adelaide. Por causa dela, duas das quatro partidas que deveriam ser disputadas nesta sexta-feira pelas quartas-de-final da competição, que distribui US$ 436 mil em prêmios, tiveram de ser transferidas para o sábado.Dentre os jogos adiados, o norte-americano Vince Spadea deveria enfrentar o sueco Joachim Johansson, enquanto a sensação do torneio, o argentino Juan Martín del Potro, de apenas 18 anos, pegaria o russo Igor Kunitsyn.Nas partidas que contaram com a quadra seca, o sérvio Novak Djokovic, cabeça-de-chave número um, passou pelo norte-americano Paul Goldstein por 2 a 0, com parciais 6/4 e 7/5. No outro duelo, o francês Richard Gasquet foi surpreendido pelo australiano Chris Guccione e derrotado por 2 a 1, com 1/6, 6/3 e 7/6 (7/4).Falastrão sem técnicoDepois de declarar que estava no melhor momento de sua carreira e que poderia derrotar qualquer tenista da ATP, o australiano Lleyton Hewitt, eliminado de Adelaide por Kunitsyn, ficou sem seu treinador nesta sexta-feira.Insatisfeito, Roger Rasheed pediu demissão do cargo que ocupava desde 2003. "É a decisão mais dura de toda a minha vida. Mas ela é necessária, pois tenho alguns problemas particulares a resolver", contou o treinador.Faltam 10 dias para o começo do Aberto da Austrália, um dos quatro maiores torneios do mundo - Hewitt é a grande esperança australiana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.