Mike Groll/AP
Mike Groll/AP

Chuva cancela rodada das quartas de final da chave feminina do US Open

Com quadra em condições perigosas por causa do piso escorregadio, jogos ficaram para esta quinta

AE, Agência Estado

07 de setembro de 2011 | 21h54

NOVA YORK - A chuva não dá trégua na cidade de Nova York, nos Estados Unidos. Nesta quarta-feira, horas depois de a organização do US Open - o quarto e último Grand Slam da temporada - ter cancelado toda a rodada da chave masculina da competição, foi a vez das quarto partidas da fase quartas de final da chave feminina ser adiada para quinta.

No final da tarde, os organizadores do Grand Slam já haviam decidido pelo adiamento de quatro jogos das oitavas de final - sendo que três deles até haviam sido iniciados no final da manhã - e outros dois já pelas quartas da chave masculina. Houve muita reclamação por parte dos tenistas, especialmente do espanhol Rafael Nadal e do escocês Andy Murray, por terem entrado em quadra em condições perigosas por causa do piso escorregadio.

No início da noite, a chuva deu uma pequena trégua, o que permitiu que fosse feita a tentativa de jogar a rodada de quartas de final entre as mulheres. Cada uma das quatro partidas foi agendada para quadras diferentes, mas por volta das 19h30 (horário local), quando as tenistas terminavam o aquecimento, voltou a chover e não restou à organização, 45 minutos depois, adiar os jogos por causa da previsão de mais água durante a noite em Nova York.

Na quadra Arthur Ashe, a principal do complexo de Flushing Meadows, seria realizada a partida entre a norte-americana Serena Williams e a russa Anastasia Pavlyuchenkova. Na quadra Louis Armstrong, a dinamarquesa Caroline Wozniacki, número 1 do mundo, enfrentaria a alemã Andrea Petkovic. Os outros dois jogos adiados são da italiana Flavia Pennetta contra a alemã Angelique Kerber e da russa Vera Zvonareva contra a australiana Samantha Stosur.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.