Chuva estraga o dia em Wimbledon

A chuva foi a única a vencer na rodada desta quarta-feira em Wimbledon, já que nenhum dos jogos das quartas-de-final do torneio masculino pôde ser completado. Das quatro partidas programadas, apenas duas começaram e, depois de varias interrupções pelo mau tempo, tiveram de ser adiadas para quinta-feira pelo árbitro geral, Alan Mills, o personagem do dia.A torcida inglesa ainda viveu momentos de tensão e receio, com o francês Sebastien Grosjean ameaçando tirar da competição o único britânico na luta pelo título. Tim Henman deixou a quadra central, depois das oito da noite (horário de Londres), correndo sério risco: está perdendo por 7/6 (10/8), 3/6, 6/2 e 1/2.Também o australiano Mark Philippoussis está sofrendo bem mais do que imaginaria para confirmar seu favoritismo e vencer o alemão Alexander Popp. O jogo dos dois foi interrompido no quinto set, com empate por 2 a 2.Só que o susto do australiano foi ainda maior do que de Henman. Philippoussis chegou a perder os dois primeiros sets por 6/4 e 6/4, para reagir nos dois seguintes ao marcar 6/3 e 6/3 e deixar a decisão para o quinto set.Se o tempo permitir, e as previsões não são nada animadoras, a quinta-feira do All England Club promete valer cada centavo do ingresso pago. Além das definições dos jogos entre Grosjean x Henman e Philippoussis x Popp, estão previstas as outras duas partidas das quartas-de-final do masculino, com Andy Roddick diante de Jonas Bjorkman e Roger Federer contra Sjeng Schalken.A programação do dia ainda prevê as duas semifinais femininas com Serena Williams diante de Justine Henin e Venus Williams contra Kim Cljisters.

Agencia Estado,

02 de julho de 2003 | 18h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.