Chuva vai exigir rodada dupla no tênis

Sem conseguir definir todas as vagas das quartas-de-final, o Aberto de São Paulo - Cobra Classic - chega a esta sexta-feira com um atraso preocupante e vai exigir rodada dupla para alguns jogadores. Pelo segundo dia consecutivo, a chuva prejudicou bastante e vários jogos tiveram de ser adiados, entre eles o que Flávio Saretta vinha vencendo Alexandre Simoni por 6/2 e 3/4. O mau tempo deve levar Saretta a jogar duas vezes nesta sexta-feira. Caso confirme sua vitória sobre Simoni teria ainda de jogar contra o vencedor de Edgardo Massa, da Argentina, e Hermes Gamonal, do Chile, jogo que também teve de ser interrompido. Situação ainda mais delicada está a revelação gaúcha Franco Ferreiro. Se conseguir ir mesmo longe no torneio vai precisar de um bom preparo físico. Afinal, terá de fazer seu jogo de segunda rodada diante do argentino Mariano Delfino. Caso vença jogaria com o vencedor da partida entre o brasileiro Bruno Soares e o argentino Sérgio Roitman, sem contar que Ferreiro tem uma segunda rodada da chave de duplas, depois de, ao lado de Marcelo Melo, ter vencido Saretta e Edgardo Massa, na estréia. Com isso, se o tempo permitir, as emoções no Parque Villa Lobos prometem ser muitas, com uma extensa programação. Saretta e Simoni precisam terminar o duelo, assim como Edgardo Massa e Hermes Gamonal. Pela segunda rodada, ainda terão de jogar Franco Ferreiro e Mariano Delfino e Bruno Soares x Sergio Roitman. Pelas quartas-de-final o argentino Juan Monaco joga com o brasileiro Marcelo Melo, enquanto Frederico Browne pega Andres Dellatorre.

Agencia Estado,

08 de janeiro de 2004 | 18h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.