Jessica Rinaldi/REUTERS
Jessica Rinaldi/REUTERS

Clijsters é eliminada no US Open e encerra carreira

Derrota surpreendente diante de novata faz a belga ser eliminada na segunda rodada do torneio americano

O Estado de S. Paulo

29 de agosto de 2012 | 20h09

NOVA YORK - Com uma surpreendente derrota na segunda rodada do US Open, acabou nesta quarta-feira a carreira da belga Kim Clijsters. Uma das mais vitoriosas tenistas da história, ela perdeu para a novata britânica Laura Robson e foi eliminada do torneio que já tinha anunciado ser o último da sua vida.

Aos 29 anos, Clijsters garante que sua aposentadoria é definitiva. Em 2007, ela deixou as quadras para poder ter a filha Jada Elle, mas voltou a jogar dois anos depois. Agora, escolheu justamente o US Open, torneio em que teve as maiores glórias, para se despedir do circuito profissional.

Entre os 41 títulos que Clijsters conquistou na carreira, estão quatro do Grand Slam: um no Aberto da Austrália (2011) e três no US Open (2005, 2009 e 2010). Também chegou a ser número 1 do mundo, apesar de estar hoje em 25º lugar no ranking. E somou mais de US$ 24 milhões em prêmios.

No jogo desta quarta-feira, Clijsters teve pela frente uma novata britânica de apenas 18 anos, que ocupa a 89ª colocação do ranking. E, num confronto muito equilibrado, Laura Robson acabou vencendo por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4) e 7/6 (7/5), em 2 horas e 13 minutos de partida.

"Esse é o lugar perfeito para me aposentar. Não tinha dúvidas de onde jogaria minha última partida. Dei o meu máximo, mas ela foi melhor", afirmou Clijsters, após a derrota, sendo aplaudida de pé pelo público na quadra central do US Open, o Arthur Ashe Stadium, em Nova York, nos Estados Unidos.

A grande vitória sobre Clijsters levou Laura Robson para a terceira rodada do quarto e último torneio do Grand Slam. Agora, ela vai encarar outra veterana: a chinesa Na Li, que tem 30 anos, ocupa o oitavo lugar no ranking e ganhou nesta quarta-feira da australiana Casey Dellacqua com duplo 6/4.

Em outros resultados do dia na chave feminina do US Open, a checa Petra Kvitova derrotou a francesa Alize Cornet por 6/4 e 6/3, a checa Lucie Safarova ganhou da canadense Aleksandra Wozniak por 6/3, 4/6 e 6/2 e a francesa Kristina Mladenovic eliminou a russa Anastasia Pavlyuchenkova por 6/1 e 6/2.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisUS OpenClijsters

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.