Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Com divórcio, Henin-Hardenne decide voltar às quadras

Número um do mundo, pelo menos até o final desta semana, a belga Justine Henin-Hardenne, que não disputou o Aberto da Austrália por causa de "desentendimentos" com seu marido, confirmou nesta quarta-feira que voltará a participar das competições da WTA no começo do mês de fevereiro.Segundo a tenista, ela resolveu se afastar das competições para poder se separar de Pierre Yves, com o qual não estava tendo um bom relacionamento. "As últimas semanas foram difíceis para mim", explicou Henin, casada desde 2002. "Decidimos nos separar. Foi o melhor para ambos."Aos 24 anos, Henin perderá na próxima segunda-feira a liderança do ranking para a russa Maria Sharapova. Isso porque a belga não defendeu os pontos do vice-campeonato do Aberto da Austrália, conquistado no último ano - na ocasião, ela foi derrotada pela francesa Amelie Mauresmo.

Agencia Estado,

24 de janeiro de 2007 | 14h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.