Tony McDonough/EFE
Tony McDonough/EFE

Com Federer e Bencic, Suíça bate Alemanha e conquista Copa Hopman

Astro suíço começa temporada levantando taça em torneio amistoso entre países

Estadão Conteúdo

06 Janeiro 2018 | 11h18

Uma das sensações da temporada passada, Roger Federer começou 2018 com título. Representando a Suíça, ao lado da compatriota Belinda Bencic, ele conquistou a Copa Hopman, tradicional torneio amistoso entre países, neste sábado. Na final, os suíços venceram a Alemanha, de Alexander Zverev e Angelique Kerber.

+ Tenista Thomaz Bellucci correu riscos ao esconder doping

+ Svitolina arrasa tenista do quali na final e é campeã em Brisbane

No torneio disputado em Perth, como preparação para o Aberto da Austrália, Federer e Bencic derrotaram os alemães no duelo melhor de três jogos. Na partida decisiva, a dupla mista venceu Zverev e Kerber por 2 sets a 0, com parciais de 4/3 (5/3) e 4/2 - a competição conta com sets mais curtos somente nas partidas de duplas.

Nos dois jogos anteriores entre os dois países, Kerber bateu Bencic por 6/4 e 6/1, na quarta vitória consecutiva da alemã na competição - ela tenta se recuperar no circuito, após fraca temporada em 2017.

Na sequência do confronto, Federer superou Zverev com uma grande virada, por 6/7 (4/7), 6/0 e 6/2. O empate levou o duelo para o jogo de duplas mistas, vencido pela Suíça.

O time suíço, que também contou com Federer e Bencic no ano passado, não vencia a Copa Hopman desde 2001, quando o próprio recordista de títulos de Grand Slam venceu ao lado de Martina Hingis. A Suíça conta agora com três troféus no torneio que não vale pontos no ranking e não integra o circuito profissional.

Já a Alemanha mantém o jejum de conquistas na competição australiana. O time não vence desde 1995, quando foi campeão com Boris Becker e Anke Huber.

Mais conteúdo sobre:
Roger Federer Belinda Bencic

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.