Daniel Reinhardt/AFP
Daniel Reinhardt/AFP

Com grande exibição, Nadal derrota Seppi e vai à final em Hamburgo

Espanhol enfrenta Fabio Fognini na final após vitória por 2 sets a 0

Estadão Conteúdo

01 de agosto de 2015 | 11h53

Com uma grande exibição no saibro de Hamburgo, Rafael Nadal não deu chances ao italiano Andreas Seppi neste sábado e avançou à final do torneio de nível ATP 500 disputado na Alemanha. Em 1h20min, o espanhol cedeu apenas três games ao adversário e fechou o jogo com o placar de 2 sets a 0, parciais de 6/1 e 6/2. Seu adversário na decisão será outro tenista da Itália, Fabio Fognini.

Em uma das temporadas mais irregulares de sua carreira, Nadal surpreendeu neste sábado ao fazer grande apresentação em Hamburgo. Ele dominou Seppi, atual 26º do ranking, desde o início e não aliviou o ritmo nem mesmo quando chegou a receber atendimento médico em quadra no segundo set.

O favorito começou a partida com uma atuação fulminante. Cometendo raros erros não forçados, ele faturou três quebras de saque em sequência e abriu 5/0 no placar. Seppi conseguiu devolver uma das quebras, mas Nadal não teve o set ameaçado em nenhum momento.

Na segunda parcial, Nadal retomou o forte ritmo do início e logo fez 2/0. Na metade da parcial, pediu atendimento ao reclamar de dores no abdome. Medicado, voltou à partida, mantendo o mesmo padrão de jogo. Mesmo perdendo o saque, sustentou o bom ritmo e ainda conseguiu mais duas quebras para assegurar a vitória.

Neste domingo, Nadal vai disputar sua 96ª final no circuito profissional, a 55ª somente no saibro. Ele busca o 67º título da carreira, o 47º na terra batida. Do outro lado, porém, reencontrará Fabio Fognini, seu algoz nas duas partidas disputadas nesta temporada. O italiano, que avançou ao bater o francês Lucas Pouille por 6/2 e 7/6 (7/2), venceu no Rio de Janeiro e em Barcelona neste ano. Nadal, contudo, lidera no retrospecto geral, por ter quatro triunfos sobre Fognini.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.