Peter Schneider/AP
Peter Schneider/AP

Com time completo no Japão, Brasil inicia preparação para playoffs da Copa Davis

Jogos serão no Utsubo Tennis Center, ao ar livre e em quadras rápidas

Estadao Conteudo

11 de setembro de 2017 | 20h39

O Brasil iniciou nesta segunda-feira, com seu time completo em Osaka, no Japão, a preparação para enfrentar o Japão pelos playoffs do Grupo Mundial da Copa Davis. Neste final de semana, de sexta a domingo, os brasileiros tentarão voltar à elite da competição mais importante entre países no tênis. Os jogos serão no Utsubo Tennis Center, ao ar livre e em quadras rápidas.

O capitão brasileiro João Zwetsch se surpreendeu com a quadra que será utilizada e acredita que o confronto será difícil, mas o Brasil pode surpreender. "A quadra está mais lenta do que esperávamos e também gostamos da bola que será usada nos jogos. A expectativa do confronto é de partidas longas, pela característica dos jogadores de simples deles e nossos. A disputa será dura e aberta, creio que as possibilidades estão meio a meio para cada lado", afirmou.

O técnico brasileiro acredita que mesmo com o fuso horário a equipe estará bem adaptada até o início do confronto. "Todos estão treinando bem, se adaptando ao fuso horário, que não é uma coisa fácil e até sexta-feira (noite de quinta no Brasil), todos estarão prontos. O mais importante é a dosagem na preparação, o pessoal chega de uma viagem longa e é bem delicado nos primeiros dias mas, passando os dois primeiros dias, tudo fica normal", concluiu João Zwetsch.

A equipe brasileira em Osaka é formada pelos tenistas Thiago Monteiro e Guilherme Clezar, que jogarão as partidas de simples, e os duplistas Marcelo Melo e Bruno Soares, além do reserva Marcelo Zormann e do juvenil Thiago Wild. A comissão técnica tem o capitão João Zwetsch, o técnico Daniel Melo e o preparador físico Eduardo Faria. Também integra a delegação o ex-tenista profissional Thomaz Koch, a convite da CBT.

"Meu foco agora está todo voltado para a Davis. Vamos aproveitar os dias que antecedem o confronto para adaptação ao fuso e treinar, nessa preparação para ajudar o Brasil a conquistar a vaga no Grupo Mundial", afirmou Marcelo Melo, que passou uma semana em Belo Horizonte depois da participação no US Open, em Nova York, nos Estados Unidos.

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
Thiago Monteiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.