Patrick Hamilton/Reuters
Patrick Hamilton/Reuters

Com virada incrível, Pliskova derrota ucraniana e é campeã em Brisbane

Tenista checa superou craniana Lesia Tsurenko por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 7/5 e 6/2

Redação, Estadão Conteúdo

06 de janeiro de 2019 | 10h01

Com uma virada espetacular, a tenista checa Karolina Pliskova faturou o título do Torneio de Brisbane, na Austrália, neste domingo. A ex-número 1 do mundo chegou a estar a um game da derrota na final, mas exibiu forte reação e virou o marcador para superar a ucraniana Lesia Tsurenko por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 7/5 e 6/2, em 2h12min.

Pliskova, atual número oito do mundo, exibia atuação irregular na decisão do título até estar perdendo por 4/6 e 3/5. Tsurenko, 27ª do ranking, sacava para fechar o jogo e se sagrar campeã. Chegou a estar a dois pontos do troféu. Foi quando a checa iniciou a reação ao faturar 13 pontos em sequência, devolver a quebra e virar o placar na segunda parcial.

Diante da chance perdida, Tsurenko caiu de rendimento e, para piorar, sofre uma lesão no tornozelo no início do terceiro set. Chegou a receber atendimento médico em quadra. E, quando "voltou" para o jogo, viu Pliskova tomar conta do duelo, com duas quebras de saque no terceiro set, antes de sacramentar o triunfo.

Com o resultado, Pliskova faturou seu segundo título em Brisbane. O primeiro veio em 2017. O título fará a checa ganhar uma posição no ranking, passando ao sétimo posto, desbancando a compatriota Petra Kvitova.

A tenista da República Checa, que já ocupou a liderança do ranking por sete semanas no decorrer de 2017, chegou ao seu 12º troféu de nível WTA na carreira.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.