Contusões tiram Chela, Monaco e Moya de Wimbledon

Eles serão substituídos pelos argentinos Martin Arguello e Brian Dabul e pelo croata Roko Karanusic

Agência Estado,

16 de junho de 2008 | 18h50

O espanhol Carlos Moya e os argentinos Juan Monaco e Juan Ignacio Chela estão foram do Grand Slam de Wimbledon, na Inglaterra. O anúncio foi feito nesta segunda-feira pelo All England Club, que organiza o torneio.Moya, que chegou a liderar o ranking mundial em 1999 mas jamais foi além das oitavas-de-final no torneio inglês, alegou uma lesão no ombro. Nos últimos seis anos, ele só disputou Wimbledon duas vezes.Juan Monaco, atual número 20 do ranking, está com uma contusão nas costas e Chela - número 45 da ATP - também sofreu uma lesão no ombro.Os substitutos para o trio já foram escolhidos. Os também argentinos Martin Vassallo Arguello e Brian Dabul e o croata Roko Karanusic entram na chave principal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.