Peter De Jong/AP
Peter De Jong/AP

David Goffin entra no Top 10 do tênis pela primeira vez após vice em Roterdã

Vice-campeão do ATP 500, belga ganha posição no ranking da associação

Estadao Conteudo

20 Fevereiro 2017 | 11h26

Aos 26 anos, David Goffin é o mais novo integrante do Top 10 do tênis mundial. Após ser vice-campeão do ATP 500 de Roterdã, na Holanda, o belga ganhou uma posição no ranking da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) e subiu para a décima posição na lista. Seu algoz, o francês Jo-Wilfred Tsonga ganhou três lugares e agora é o 11.º.

O belga vinha rondando o Top 10 desde 2015, quando alcançou o 14.º lugar da lista da ATP em meados do ano. Depois, passou boa parte do ano de 2015 entre os 15 primeiros. Desde o começo de novembro ele aparecia em 11.º, pulando esse importante degrau nesta segunda-feira.

Acima dele, não houve mudanças no ranking na comparação com a semana passada. Andy Murray segue em primeiro, seguido de Novak Djokovic, Stan Wawrinka, Milos Raonic e Kei Nishikori. Rafael Nadal é o sexto e Roger Federer o nono.

Campeão sobre Goffin, Tsonga subiu para 11.º lugar. Quem caiu duas posições foi o também francês Gael Monfils, agora 12.º. Grigor Dimitrov é o 13.º e Tomas Berdych o 14.º.

A subida mais expressiva na lista desta segunda-feira foi do norte-americano Ryan Harrison, campeão do ATP 250 de Memphis, que ganhou 19 posições e entrou no Top 50, em 43.º lugar. Seu rival na decisão, o georgiano Nikoloz Basilashvili galgou 14 postos e aparece em 53.º lugar.

Entre os brasileiros, o melhor segue sendo Thomaz Bellucci, que não jogou na semana passada e caiu uma posição, para aparecer em 76.º lugar. Thiago Monteiro também perdeu um posto, sendo agora o 85.º, enquanto Rogério Dutra Silva, o Rogerinho, segue em 88.º lugar. Os três estão no Brasil Open, que começa nesta segunda no Rio.

Confira a classificação atualizada do ranking da ATP:

1º - Andy Murray (GBR), 11.540 pontos

2º - Novak Djokovic (SER), 9.825

3º - Stan Wawrinka (SUI), 5.695

4º - Milos Raonic (CAN), 4.930

5º - Kei Nishikori (JAP), 4.730

6º - Rafael Nadal (ESP), 4.115

7º - Marin Cilic (CRO), 3.410

8º - Dominic Thiem (AUT), 3.375

9º - Roger Federer (SUI), 3.260

10º - David Goffin (BEL), 3.245

11º - Jo-Wilfried Tsonga (FRA), 3.230

12º - Gael Monfils (FRA), 3.145

13º - Grigor Dimitrov (BUL), 2.925

14º - Tomas Berdych (RCH), 2.880

15º - Roberto Bautista Agut (ESP), 2.190

16º - Nick Kyrgios (AUS), 2.165

17º - Lucas Pouille (FRA), 2.131

18º - Alexander Zverev (ALE), 1.895

19º - Richard Gasquet (FRA), 1.875

20º - Ivo Karlovic (CRO), 1.875

76º - Thomaz Bellucci (BRA), 676

85º - Thiago Monteiro (BRA), 645

88º - Rogério Dutra Silva (BRA), 628

131º - João Souza (BRA), 449

Mais conteúdo sobre:
tênis David Goffin

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.