Davis destaca Argentina x Rússia

Sem a equipe do Brasil, que desperdiçou uma enorme chance de vencer a Suécia, em fevereiro, em Helsingborg, a Copa Davis terá neste fim de semana a disputa das quartas-de-final. O confronto mais curioso e atraente será em Buenos Aires, onde a atual campeã da competição, a Rússia, vai jogar diante do consistente time argentino. O principal astro da Rússia, Marat Safin, deu um susto no técnico da sua equipe, Shamil Tarpischev, ao deixar a quadra de treinamentos com uma torção no tornozelo. Mas, aparentemente, já recuperado deverá liderar seu time (Yevgeny Kafelnikov, Mikhayl Youshny e Nikolay Davydendo) -contra David Nalbandian, Gaston Gaudio, Mariano Zabaleta e Lucas Arnold. A França, de Sebastien Grosjean, recebe em Toulouse o time suíço liderado por Roger Federer; a Suécia - que contra o Brasil esteve desfalcada - agora terá Thomas Enqvist e Jonas Bjorkman, além da volta de Magnus Norman. Os suecos jogam em Malmoe com a Austrália de Lleyton Hewitt. Já a Espanha parte como grande favorita para superar a Croácia, jogando em Valência, com um time forte formado por Alex Corretja, Juan Carlos Ferrero, Albert Costa e Carlos Moya, diante de Ivan Ljiubicic e Goran Ivanisevic, já a beira da aposentadoria. Os jogos serão de sexta-feira a domingo e o sorteio será realizado nesta quinta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.