Davis: França derrota Suécia por 3 a 2

Num fim de semana em que a campeã Espanha disse adeus já na primeira rodada, a Suíça - sem Roger Federer - também foi para a repescagem, a equipe da França só conseguiu sua classificação para as quartas-de-final do Grupo Mundial da Copa Davis justamente no último jogo. Num jogo eletrizante em Estrasburgo, Paul-Henri Mathieu venceu neste domingo o sueco Thomas Johansson por 6-1, 6-4, 6-7 (7/4) e 6-4. Na partida anterior, Sebastien Grosjean, mesmo numa quadra lenta de saibro, não tinha resistido os bons saques e o jogo agressivo de Joachim Johansson, perdendo por 3-6, 6-1, 6-4 e 6-1.Na próxima rodada, a França terá de ir para a Rússia para enfrentar o time de Marat Safin, que fez o terceiro e decisivo ponto de sua equipe, em Moscou, ao derrotar o chileno Fernando Gonzalez por 7-6 (7/4), 7-6 (7/5), 1-6, 6-7 (7/5) e 6-4. No jogo seguinte, Nikolay Davydenko definiu os 4 a 1, ao vencer Paul Capdeville por 6-2 e 6-1.A Suíça, mesmo jogando em casa, sentiu a falta de Federer e acabou sendo eliminada pela Holanda por 3 a 2. O ponto decisivo foi marcado por Sjeng Schalken que superou Stanislas Wawrinka por 1-6, 6-2, 6-4, 2-6 e 9-7. No jogo seguinte, o suíço Marcos Chiudinelli venceu Peter Wessels por 4/6 e desistência. A Holanda agora vai jogar com a Eslováquia, responsável pela eliminação da campeã Espanha, por 4 a 1.Em Brastislav, em jogos apenas para cumprir tabela, pois os eslovacos já tinham marcado 3 a 0 no sábado, Michal Mertinak ganhou de Feliciano Lopez por 6-0, 6-7(7/3) e 6-4 e o único ponto espanhol veio com Fernando Verdasco que ganhou de Kamil Kapkovic por duplo 6/2.Em Sydney, a Austrália definiu os 5 a 0 diante da Áustria com a vitória de Todd Woodbridge sobre Marco Mirnegg por 6-3, 4-6 e 7-5 enquanto Chris Guccione venceu Alexander Peya por 6-3 e 6-4. Nas quartas-de-final a Austrália deve novamente jogar em quadra de grama para receber a Argentina que superou a República Checa por 5 a 0 com as vitórias de Guillermo Coria sobre Jan Hernych por 6-3 e 6-0 e de Agustín Calleri diante de Tomas Zib por 6-2 e 6-4.A Romênia, que perdia por 2 a 1 no sábado, ganhou de virada da Bielo Rússia, com as vitórias de Andrei Pavel sobre Max Mirnyi por 6-1 7-6(7/0), 4-6 e 6-3 e de Victor Hanescu diante de Vladimir Voltchkov por 7/6 (7/2) 6-4 7-6 (8/6). Os romenos enfrentam na próxima fase o vencedor do confronto entre Estados Unidos e Croácia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.