Toby Melville/Reuters
Toby Melville/Reuters

Davydenko e Roddick avançam em Wimbledon

Russo venceu o romeno Victor Crivoi por 3 sets a 0; já norte-americano bateu Igor Kunitsyn por 3 sets a 1

AE, Agência Estado

25 de junho de 2009 | 14h46

Nikolay Davydenko avançou com muita facilidade na segunda rodada de Wimbledon. Nesta quinta-feira, o tenista russo derrotou o romeno Victor Crivoi por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/4 e 6/2, em apenas 1 hora e 38 minutos.

Veja também:

linkVenus supera ucraniana e segue

linkLleyton Hewitt derrota Del Potro e avança

linkKuznetsova passa fácil à terceira rodada

especialWIMBLEDON - Leia mais sobre o torneio

Regular, Davydenko dominou toda a partida e conseguiu 35 winners, contra apenas 19 de Crivoi. Na terceira rodada, ele vai enfrentar o checo Tomas Berdych, que também não teve muito trabalho nesta quinta-feira. Ele venceu o francês Paul-Henri Mathieu por 3 sets a 0, com parciais de 6/2, 6/4 e 6/4, em 1 hora e 56 minutos.

Andy Roddick teve mais dificuldades para vencer na segunda rodada de Wimbledon. O tenista norte-americano superou o russo Igor Kunitsyn por 3 sets a 1, com parciais de 6/4, 6/2, 3/6 e 6/2, em 2 horas e 6 minutos. Agora, ele vai duelar com o austríaco Jurgen Melzer, que eliminou o alemão Benjamin Becker em três sets (7/6, 6/3 e 7/6).

Já o espanhol David Ferrer avançou com tranquilidade no Grand Slam britânico. Ele despachou o italiano Fábio Fognini, por 3 sets a 0, com parciais de 6/2, 6/2 e 6/4 em 1 hora e 40 minutos. Seu próximo adversário sairá do jogo entre o checo Radek Stepanek e o italiano Potito Starace.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.