De virada, Guga vence jogo dramático

Com uma determinação incrível e sem jamais perder a esperança, Gustavo Kuerten conquistou uma vitória dramática no US Open, ao derrotar o bielo-russo Max Mirnyi por 3 sets a 2 e garantir uma vaga nas oitavas-de-final do torneio. Guga chegou a estar perdendo por 2 a 0, e numa reação sensacional marcou 6-7 (7-5), 5-7, 7-6 (7-4), 7-6 (7-3) e 6-2 para comemorar uma das vitórias mais difíceis de sua carreira, depois de uma verdadeira batalha de 3h31, num jogo em que só terminou início da madrugada desta segunda-feira. Na próxima rodada, nesta terça-feira, Guga irá enfrentar o espanhol Albert Costa por uma vaga nas quartas-de-final.O jogo foi marcado pela emoção e nervosismo. Guga mostrou por que é o número 1 do mundo. Afinal, mesmo em ameaçadora desvantagem de 2 a 0, manteve-se na luta com um nível de jogo que cresceu ainda mais nos momentos decisivos. Os dois tenistas mostraram uma atuação capaz de deixar a torcida com o coração na mão, repleta de boas jogadas e número inacreditáveis.Não houve um momento sequer em que os tenistas tenham caído de produção. Guga sacou com impressionante eficiência, num total de 33 aces, enquanto seu adversário, um exímio sacador, aplicou 22 aces. Os índices de aproveitamento de primeiro serviço também estiveram altos, próximo dos 70% para ambos os jogadores.Por ironia, no início do jogo Guga deixou a impressão de que poderia ter um resultado favorável mais facilmente. Logo no primeiro game teve uma chance de quebrar o serviço de Mirnyi. Não aproveitou e não teve outra oportunidade igual na primeira série. Com os dois jogadores mantendo seus serviços, o tenista brasileiro ainda salvou dois sets points, antes de forçar a decisão no tiebreaker. No desempate, mais uma vez prevaleceu o bom serviço do bielo-russo, que venceu por 7 a 5.A história repetiu-se no segundo set. Max Mirnyi mostrou um incrível aproveitamento de seu serviço, sacando muitas vezes próximo dos 200 km/h. Assim, bastou uma quebra de saque para o bielo-russo colocar-se à frente com 6 a 5 e sacar para fazer 2 sets a 0.Diante de um adversário que cometeu poucos erros e que sacou com violência e precisão, Guga não encontrava alternativas para reagir e impor o seu jogo. Mirnyi, número 44 do ranking mundial, esteve em um de seus melhores dias. Guga deixou claro que não entregaria facilmente o resultado e as melhores chances começaram a surgir no terceiro set, quando Guga venceu e iniciou seu caminho para esta vitória memorável, que fez lembrar o triunfo sobre Michael Russel, nas oitavas-de-final em Roland Garros. Guga vibrou muito com a vitória e foi abraçar a sua mãe, Alice.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.